United Airlines impede decolagens por falha desconhecida em seus computadores

Segundo a companhia, uma falha na 'conectividade de rede' da empresa atrasou todos os voos da empresa nesta quarta-feira (8)

A companhia aérea United Airlines impediu a decolagem de todos os seus aviões durante duas horas na manhã desta quarta-feira (8), devido a um problema ainda desconhecido ocorrido nos computadores da empresa.

Culpando uma falha na "conectividade de rede", a United Continental Holdings, dona da United Airlines, proibiu a decolagem de todos os voos da companhia aérea e da Continental Airlines, que também faz parte da empresa.

A agência americana que regula a aviação no país afirmou que "problemas de automação" foram os responsáveis pelo adiamento dos voos.

"Passamos por um problema de conectividade de rede nesta manhã", disse a companhia aérea no Twitter. "Estamos trabalhando para resolver esse problema e pedimos desculpas aos nossos clientes por qualquer inconveniência."

Esta é a segunda vez, em pouco mais de um mês que os aviões da United são impedidos de decolar por causa de um problema nos computadores da empresa.

No mês passado, cerca de 150 aviões da United não puderam decolar porque seus pilotos não conseguiam acessar o plano de voo digital das aeronaves. 

Em abril, a American Airlines atrasou alguns de seus voos devido a um bug nos iPads usados pela tripulação. A falha impedia que os pilotos recebessem os mapas dos aeroportos para onde estavam indo. 

Fonte: The New York Times

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.