Uber retira mais de 1 milhão de carros do trânsito de SP no 1º semestre

Modalidade compartilhada do Uber almeja reduzir uso de carro por uma só pessoa

São Paulo - Em seis meses, a Uber estima ter retirado 9 mil carros das ruas com o seu serviço de corridas compartilhadas por dois ou mais usuários, modalidade de viagem chamada de Uber Juntos. O número, registrado em dias de semana, representa um montante de veículos que seria o suficiente para preencher uma fila da cidade de São Paulo até Manaus, no Amazonas.

A americana Uber criou o serviço chamado Uber Juntos – antes chamado de Uberpool – com a intenção de diminuir o trânsito nas áreas mais movimentadas das cidades. Sua proposta é conectar motoristas a passageiros que tenham destinos semelhantes. Além de ser um serviço geralmente mais barato do que as modalidades UberX, Select ou Black - todas individuais -, o Juntos almeja a diminuição da quantidade de carros em horários de pico e melhora o trânsito.

No final do ano passado, essa modalidade de corridas foi capaz de retirar 1.500 automóveis por hora na Marginal Pinheiros. Após um levantamento realizado com base no primeiro semestre de 2019, a empresa observou que mais de um milhão de carros saíram das tumultuadas ruas da cidade.

A empresa ainda divulgou que mais de 80% do uso dessa modalidade se dá nos dias úteis, entre 7h e 9h da manhã e entre 17h e 19h - horários nos quais a população entra e sai do trabalho. Apesar de o trajeto demorar alguns minutos a mais do que o feito individualmente, isso mostra que os usuários preferem chegar um pouco mais tarde ao destino desejado e pagar menos pelas corridas.

Mesmo com cada vez mais competidores no mercado de transporte individual por aplicativo, a Uber ainda não tem rivais na modalidade Juntos. Cabify e 99 também atuam no mercado brasileiro com motoristas particulares, não apenas taxistas, mas oferecem somente opções de corridas individuais – ainda que seja possível compartilhar o valor das viagens com amigos.

Fabio Plein, diretor de operações da Uber no Brasil, afirma que as pessoas tendem a usar a modalidade Juntos como forma de complemento para trajetos feitos com transporte público. "O Uber Juntos é uma evolução no compartilhamento de viagens e esse levantamento mostra que o uso do automóvel pode ser mais eficiente", disse Plein, em nota a EXAME.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.