Sistema iOS 14 chega antes do iPhone 12 e estará disponível nesta quarta

O novo sistema operacional do iPhone poderá ser baixado por usuários a partir de amanhã

Sem iPhone 12, a Apple anunciou a chegada do novo sistema operacional para iPhone, o iOS 12, que estará disponível a partir desta quarta-feira, 16.

Segundo Tim Cook, presidente global da empresa, todos os novos dispositivos anunciados no evento de hoje (como o iPad Air) já chegarão ao mercado com as novas versões do sistema operacional.

Para os entusiastas da Apple, a má notícia foi a falta do anúncio do novo smartphone, que deve ficar somente para outubro, atrasado por causa da pandemia do novo coronavírus.

O iOS 14 tem como grande destaque uma nova forma de organizar os aplicativos na tela inicial. A função Library permite aos usuários ter aplicativos organizados de forma mais coesa e automática. Com isso, o usuário pode ter todos os aplicativos em uma página só. O sistema também sugere recomendações de organização.

O iOS 14 também traz widgets, que são como aplicativos “flutuantes” na interface da página inicial do iPhone. Eles permitem ver rapidamente informações como temperatura e notícias.

Já o aplicativo Mensagens permitirá que o usuário fixe conversas importantes no topo do aplicativo, assim como no WhatsApp. Os Memojis, animações feitas com base no rosto do usuário, também estarão de cara nova: o usuário poderá, entre outras funções, adicionar uma máscara facial para seu avatar.

A assistente virtual da Apple, Siri, ganhará uma nova roupagem com a atualização. A Siri poderá ser exibida tanto na parte de cima como na parte inferior da tela e, segundo a empresa, se tornará mais inteligente e ágil, sendo capaz de enviar mensagens de voz para os contatos e escrever textos recebidos por fala.

Em julho deste ano a Apple testou uma versão beta do iOS 14, mas os bugs (comuns em edições preliminares), não compensavam a atualização para o novo sistema.

A Apple oferece atualizações por meio de um processo chamado de over the air. Com isso, a empresa manda novas versões do sistema diretamente para os iPhones dos consumidores. Isso permite que o software esteja disponível no dia do lançamento para todos os aparelhos compatíveis.

O Google adota um processo diferente no Android, devido ao fato de o sistema ser usado por várias fabricantes no mundo todo, o que requer processos de homologação do software por diferentes empresas — tornando o processo de atualização moroso.

Você já leu todo conteúdo gratuito deste mês.

Assine e tenha o melhor conteúdo do seu dia, talvez o único que você precise.

Já é assinante? Entre aqui.

Deseja assinar e ter acesso ilimitado?

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.