Samsung Galaxy S4 de brasileiro pega fogo enquanto recarrega

O caso aconteceu em 1° de dezembro, época em que o engenheiro elétrico de Brasília entrou em contato com a assistência técnica da Samsung

Assim como aconteceu com o canadense Richard Wygand há algumas semanas, o smartphone Samsung Galaxy S4 do brasileiro Diogo Sales pegou fogo durante o recarregamento e o aparelho deixou de funcionar.

"Coloquei o celular para recarregar às 2h. Quando acordei, ele estava com cheiro de queimado muito forte, reparei que o cabo USB estava torto, totalmente mole, grudado no telefone. A parte traseira do aparelho também estava derretida", disse Sales a INFO. "Até mesmo a própria capa original da Samsung derreteu."

O caso aconteceu em 1° de dezembro, época em que o engenheiro elétrico de Brasília entrou em contato com a assistência técnica da Samsung.

De Brasília, o aparelho foi enviado para análise em São Paulo, tendo chegado na capital paulista no dia 6. Sales afirma que buscou novas informações sobre o smartphone na semana passada e recebeu a orientação de ligar novamente para a Samsung dentro de um mês.

No entanto,esse período excede o previsto pelo Procon (Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor).

"O prazo máximo de 30 (trinta) dias conferido ao fornecedor para sanar o vício (defeito) conta-se uma única vez a partir da entrega do produto na assistência técnica autorizada ou da comunicação da ocorrência de vício ao fornecedor, desde que o conserto do produto seja realizado na residência do consumidor", segundo o Procon.

Até o momento, a Samsung não solucionou o caso. Procurada pela INFO, a companhia não se pronunciou até o momento.

No Canadá, a empresa tentou abafar o caso, pedindo que o vídeo publicado por Richard Wygand mostrando o Galaxy S4 derretido fosse tirado do ar. Após a repercussão do caso, a Nokia chegou a oferecer gratuitamente um smartphone com sistema Windows Phone ao internauta.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.