Vídeo da NASA mostra como é o lado oculto da Lua

Por conta da gravidade, um dos lados do satélite não pode ser visto a partir da Terra

	Lua: por conta da gravidade, um dos lados do satélite não pode ser visto a partir da Terra
 (Getty Images)
Lua: por conta da gravidade, um dos lados do satélite não pode ser visto a partir da Terra (Getty Images)
Por Saulo Pereira GuimarãesPublicado em 09/02/2015 09:42 | Última atualização em 09/02/2015 09:42Tempo de Leitura: 2 min de leitura

São Paulo - O lado oculto da Lua é o tema de um vídeo divulgado pelo Estúdio de Visualização Científica da NASA. O vídeo foi feito a partir de fotos enviadas pela espaçonave Lunar Reconnaissance Orbiter (LRO).

No espaço desde 2009, o LRO já enviou para Terra centenas de terabytes de dados sobre a Lua. Em outubro de 1959, a sonda soviética Luna 3 foi a primeira espaçonave a fotografar o lado oculto da lua.

A atração gravitacional exercida pela Terra é a responsável pela existência do lado oculto da Lua. A gravidade gerou uma espécie de sincronização entre o período que o satélite leva para dar uma volta em torno de si mesmo e o tempo que ele demora para dar uma volta em torno da Terra. 

Os dois movimentos duram cerca de quatro semanas. Por conta disso, estamos sempre vendo o mesmo lado da Lua.

No lado oculto, a paisagem é formada por crateras de diversos tamanhos em vez dos grandes pontos negros isolados que vemos da Terra (os chamados "mares").

"O lado oculto também abriga uma das maiores e mais antigas formações resultantes de impacto do Sistema Solar, a Bacia do Polo Sul-Aitken", afirma a NASA em seu site.

Veja a animação da NASA que mostra como é o lado oculto da Lua (está em inglês e formato flash, que não é lido por um grande número de smartphones):

http://c.brightcove.com/services/viewer/federated_f9?isVid=1&isUI=1