Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Mulher não gosta de homem sensível, diz estudo

Pesquisadores divulgaram recentemente os resultados de três estudos colaborativos a respeito da relação entre a receptividade das pessoas a uma investida

Pesquisadores do Centro Interdisciplinar Herzliya, de Israel, e das Universidades de Rochester e de Illinois em Urbana-Champaign, nos EUA, divulgaram recentemente os resultados de três estudos colaborativos a respeito da relação entre a receptividade das pessoas a uma investida do sexo oposto e a forma como esta pessoa era vista.

Os pesquisadores partiram da premissa de que "as pessoas buscam um parceiro sensível às suas necessidades", de acordo com o Science Daily. "O desejo sexual prospera quando a intimidade é crescente, e ser sensível é uma das melhores maneiras de incutir essa sensação indescritível em longo prazo", explica o pesquisador-chefe Gurit Birnbaum.

Entretanto, a premissa não condiz com a realidade. "Nossos resultados mostram que ela não necessariamente é verdadeira em um encontro inicial, porque um potencial parceiro sensível pode transmitir significados opostos para pessoas diferentes." As respostas que eles encontraram em relação à receptividade da sensibilidade do outro reforçam ideias como "mulher prefere homem canalha" e "homem gosta mesmo é de mulher submissa".

Os pesquisadores observaram se homens ou mulheres perceberam uma pessoa do sexo oposto como sensível e a resposta a isso em termos de atração sexual. Os resultados mostram que homens enxergavam as mulheres mais preocupadas em relação às necessidades do parceiro como mais femininas e mais atraentes.

Já em relação aos homens "mais sensíveis", a percepção é outra: os caras bonzinhos foram percebidos como manipuladores (por exemplo, sendo legais para obter sexo) ou desesperados para agradar a parceira e, por isso, menos atraentes. Em alguns casos, a mulher enxerga este tipo de homem até mesmo como vulnerável e menos dominante.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também