• AALR3 R$ 20,08 -0.30
  • AAPL34 R$ 67,00 -2.63
  • ABCB4 R$ 16,71 -0.30
  • ABEV3 R$ 14,02 -0.43
  • AERI3 R$ 3,67 -5.17
  • AESB3 R$ 10,68 -2.64
  • AGRO3 R$ 30,85 -0.16
  • ALPA4 R$ 20,24 -2.50
  • ALSO3 R$ 18,86 -3.13
  • ALUP11 R$ 27,10 -0.26
  • AMAR3 R$ 2,32 -6.07
  • AMBP3 R$ 30,67 -1.60
  • AMER3 R$ 23,28 -3.28
  • AMZO34 R$ 63,57 -2.95
  • ANIM3 R$ 5,29 -4.68
  • ARZZ3 R$ 78,00 -1.90
  • ASAI3 R$ 15,80 -0.44
  • AZUL4 R$ 20,93 -4.69
  • B3SA3 R$ 11,99 -0.91
  • BBAS3 R$ 37,21 -1.99
  • AALR3 R$ 20,08 -0.30
  • AAPL34 R$ 67,00 -2.63
  • ABCB4 R$ 16,71 -0.30
  • ABEV3 R$ 14,02 -0.43
  • AERI3 R$ 3,67 -5.17
  • AESB3 R$ 10,68 -2.64
  • AGRO3 R$ 30,85 -0.16
  • ALPA4 R$ 20,24 -2.50
  • ALSO3 R$ 18,86 -3.13
  • ALUP11 R$ 27,10 -0.26
  • AMAR3 R$ 2,32 -6.07
  • AMBP3 R$ 30,67 -1.60
  • AMER3 R$ 23,28 -3.28
  • AMZO34 R$ 63,57 -2.95
  • ANIM3 R$ 5,29 -4.68
  • ARZZ3 R$ 78,00 -1.90
  • ASAI3 R$ 15,80 -0.44
  • AZUL4 R$ 20,93 -4.69
  • B3SA3 R$ 11,99 -0.91
  • BBAS3 R$ 37,21 -1.99
Abra sua conta no BTG

Microsoft registra crescimento recorde no último trimestre de 2020

O lucro líquido cresceu 33%, alcançando 15,5 bilhões de dólares
Microsoft: gigante tem recorde de faturamento com demanda por soluções para trabalho remoto e migração de empresas para a nuvem (Reuters/Mike Blake)
Microsoft: gigante tem recorde de faturamento com demanda por soluções para trabalho remoto e migração de empresas para a nuvem (Reuters/Mike Blake)
Por Thiago LavadoPublicado em 26/01/2021 18:40 | Última atualização em 26/01/2021 19:12Tempo de Leitura: 2 min de leitura

A Microsoft divulgou seus resultados relativos ao último trimestre de 2020 nesta terça-feira, 26. A empresa teve alta de 17% no faturamento, com vendas de 43,1 bilhões de dólares no período, um novo recorde para o gigante de software.

O resultado é acima do esperado, com estimativas girando em torno dos 40 bilhões de dólares.

A era de trabalho remoto ajudou no resultado, com maior demanda por serviços e produtos de software que ajudem a acomodar o trabalho à distância, e também por empresas passando pelo processo de digitalização e migrando operações para servidores e computação em nuvem.

O faturamento comercial do Office 365 cresceu 21%, o que elevou o resultado de toda a área de produtos do Office. A empresa e seu CEO, Satya Nadella, já haviam manifestado a vontade de investir em soluções como o Teams, para que ele seja a plataforma definitiva de comunicação empresarial.

A divisão Azure, de computação em nuvem, cresceu 50%.

Outros resultados positivos para a companhia foram divisões fora do segmento profissional: os serviços e conteúdos relacionados ao Xbox tiveram alta de 40% no faturamento, enquanto que a rede social LinkedIn registrou aumento de 23% nas vendas.

O lucro líquido cresceu 33%, alcançando 15,5 bilhões de dólares. As ações da empresa subiam 4,4% após o fechamento do mercado nos Estados Unidos.

 

Veja Também

Google, Apple e Microsoft querem acabar com as senhas
Tecnologia
Há 2 semanas • 3 min de leitura

Google, Apple e Microsoft querem acabar com as senhas

Microsoft vai oferecer VPN grátis dentro do navegador Edge
Tecnologia
Há 2 semanas • 2 min de leitura

Microsoft vai oferecer VPN grátis dentro do navegador Edge