iWatch, da Apple, terá tela curva e flexível, diz jornal

O iWatch, relógio inteligente que a Apple deve lançar neste ano, terá tela curva e flexível, diz noticiário taiwanês

	iWatch: a ilustração do designer Yrving Torrealba mostra como poderá ser o relógio da Apple
 (Yrving Torrealba)
iWatch: a ilustração do designer Yrving Torrealba mostra como poderá ser o relógio da Apple (Yrving Torrealba)
M
Maurício GregoPublicado em 19/02/2014 às 16:12.

São Paulo -- O iWatch, futuro relógio inteligente da Apple, terá tela curva e flexível, coberta com um “vidro protetor 3D”, afirma o noticiário taiwanês Digitimes

O Digitimes cita uma reportagem do jornal China Times dizendo que a  Apple contratou uma empresa de Taiwan, a TPK, para produzir a tela do iWatch. A TPK estaria desenvolvendo a tela em parceria com a japonesa Nissha Printing. 

A tela, diz o China Times, vai usar uma nova tecnologia, com sensores de toque feitos de nanofios de prata. Tom Sun, presidente da TPK, falou sobre essa tecnologia no ano passado. 

Ele disse a investidores que a empresa estaria em condições de produzir essas novas telas a partir de abril deste ano. A capacidade da fábrica seria de 2 milhões de unidades por mês, informa o Digitimes. 

O início da fabricação em abril é compatível com um possível lançamento do iWatch no segundo semestre. Resta saber o que o China Times chama de “vidro protetor 3D”. 

E cabe notar que o Digitimes nem sempre acerta quando divulga informações não oficiais. Então, é bom ver essas notícias com cautela. 


Ainda assim, a história é verossímil. O primeiro relato sobre o iWatch, publicado um ano atrás no New York Times, já dizia que o relógio empregaria um vidro curvo e flexível, o Willow Glass, da Corning. 

O que sabemos, com certeza, é que a Apple está mesmo desenvolvendo o iWatch há mais de um ano. Ela tem contratado cada vez mais profissionais de alto nível para o projeto.

A última leva de contratados inclui especialistas em saúde e condicionamento físico, o que sugere que o iWatch terá ênfase nesse tipo de aplicação. 

Segundo relatos, a Apple desenvolve também um novo app de saúde, o Healthbook, que fará parte do iOS 8, a próxima edição do sistema operacional usado no iPhone e no iPad.

O Healthbook vai receber, do iWatch, dados sobre as atividades físicas da pessoa, sua pulsação e outras informações. Com base nisso, o relógio poderá até alertar o usuário sobre o risco de um ataque cardíaco acontecer.