Tecnologia

Fundador do Megaupload apelará por fiança

Na semana passada, um juiz neozelandês rejeitou o pedido de libertação sob fiança de Kim Dotcom

Kim, um alemão de 38 anos, foi detido em 20 de janeiro em Auckland ao lado de três diretores do Megaupload
 (AFP)

Kim, um alemão de 38 anos, foi detido em 20 de janeiro em Auckland ao lado de três diretores do Megaupload (AFP)

DR

Da Redação

Publicado em 19 de janeiro de 2013 às 15h25.

Wellington - O fundador do portal Megaupload.com apelará da decisão da justiça neozelandesa de mantê-lo detido à espera da análise do pedido de extradição apresentado pelos Estados Unidos, onde é acusado de pirataria.

Na semana passada, um juiz neozelandês rejeitou o pedido de libertação sob fiança de Kim Schmitz, conhecido como "Kim Dotcom", um alemão de 38 anos, detido em 20 de janeiro em Auckland ao lado de três diretores do Megaupload.

A apelação será apresentada na sexta-feira na Alta Corte de Auckland.

Acompanhe tudo sobre:CopyrightEmpresas de internetempresas-de-tecnologiaJustiçaKim DotcomMegaupload

Mais de Tecnologia

81% da Geração Z no Brasil deixa de usar apps por preocupações com privacidade, diz pesquisa

O que é a Wiz, empresa que pode ser comprada por R$ 124 bilhões pelo Google

Musk prevê Neuralink dando 'superpoderes de ciborgues' a humanos

Amazon Prime Day 2024: megapromoção oferece descontos de até 50%

Mais na Exame