Fifa suspende empresário brasileiro por fala na internet

Teixeira publicou em junho no Facebook uma "lista de devedores" na qual incluia o Milan e o Anderlecht, acusados pelo empresário de não pagar indenizações

Paris - O empresário de futebol brasileiro Paulo Teixeira foi suspenso de suas funções por dois meses nesta sexta-feira, pela Federação Internacional (Fifa), por causa de "comentários depreciativos" publicados em sua página na rede social Facebook.

"É a primeira vez que se suspende ou sanciona um membro da família do futebol por uso das redes sociais", informou à AFP um porta-voz da entidade regente do futebol mundial.

Teixeira publicou em junho no Facebook uma "lista de devedores" na qual incluia o Milan e o Anderlecht, acusados pelo empresário de não pagar aos clubes mais modestos as indenizações correspondentes aos clubes formadores de jogadores.

O empresário foi acusado posteriormente pelos clubes italiano e belga de ter feito uma "declaração insultante e difamatória".

Paulo Teixeira apoiou suas acusações na declaração privada que lhe fez o dirigente do Sevilha e da Associação Europeia de Clubes (ECA), José María Cruz, antes da última final da Liga dos Campeões em Munique.

"É uma questão cultural, nós europeus estamos dispostos a pagar somas milionárias por transferências de jogadores, mas quando se trata de indenizar os clubes africanos ou sul-americanos, isto é um problema. Os clubes sabem que deverão pagar quando o caso chegar à Fifa, mas enquanto isso não acontece eles ganham tempo", explicou o espanhol ao brasileiro na conversa que Teixeira citou em sua defesa.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também