Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Facebook oficializa compras e vendas com novo Marketplace

Rede social agora pode ser um lugar para anunciar seus produtos novos ou antigos

São Paulo – O Facebook lança seu novo Marketplace no Brasil, nesta segunda-feira (22). O novo campo no aplicativo da rede social permite que os usuários anunciem e comprem produtos de interesse.

A empresa não faz o intermédio das transações, todos os pagamentos precisam ser acordados entre as partes em cada caso.

A principal diferença do Marketplace em relação aos grupos de compra e venda já existentes é que você poderá ver os anúncios de usuários que estão próximos, com base em dados coletados pelo aplicativo do Facebook do GPS do seu smartphone–se você tiver autorizado o app a acessar tais informações. Fora isso, há também uma ferramenta de buscas para encontrar rapidamente os produtos desejados.

Apesar de ser a plataforma que conecta os interessados em comprar ou vender produtos, novos ou usados, a rede social não irá cobrar pelo intermédio. Com a iniciativa, a empresa espera oferecer mais um benefício aos usuários do aplicativo.

No caso de fraudes, o Facebook informa que os próprios usuários poderão marcar como suspeitas publicações de produtos que parecerem falsos ou que sejam conteúdos inadequados. Quando foi lançado nos Estados Unidos, em 2016, o Marketplace do Facebook teve problemas com anúncios inapropriados. As pessoas vendiam cachorros, drogas ilegais, serviços sexuais, entre outras coisas, como reportou o New York Times. Os casos aconteceram logo na estreia do novo serviço da rede social e a empresa disse que o problema era com o sistema de moderação, que deixou visíveis posts inadequados.

O marketplace terá um lugar central no aplicativo do Facebook para smartphones Android e iPhones, com um ícone localizado na barra inferior, ao lado das notificações.

A rede social não informou se pretende cobrar para exibir anúncios com destaque, como faz, por exemplo, o Mercado Livre em sua plataforma de e-commerce. Porém, a companhia não descarta essa possibilidade de monetização.

Com o Marketplace, o Facebook entra oficialmente na briga contra aplicativos como o da OLX, que oferece site e aplicativo com proposta semelhante.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também