Diretor do WhatsApp diz que Apple tem interesse que pessoas não usem o mensageiro

Will Cathcart, chefe do WhatsApp, falou sobre competição com a gigante em conversa com o jornalista Alex Kantrowitz, da newsletter Big Technology

O diretor do WhatsApp global, Will Cathcart, deu uma entrevista à newsletter "Big Technology", do jornalista americano Alex Kantrowitz. Na conversa, o executivo falou da guerra do Facebook com a Apple, que gira em torno dos aplicativos de mensagens.

"Está certamente dentro dos interesses estratégicos deles que as pessoas não usem algo como o WhatsApp", disse. "Porque eles não querem que as pessoas usem smartphones Android". Cathcart se refere ao fato de que, nos Estados Unidos, é comum que as pessoas usem iMessage, um serviço proprietário da Apple e que herdou funcionalidades da rede SMS.

Os EUA não sofreram a transição para aplicativos de mensagem como países como Brasil e Índia, onde o WhatsApp também é absurdamente popular, porque planos de SMS eram mais baratos e acomodaram bem os interesses dos usuários.

Cathcart também afirmou durante a conversa que a empresa está "muito animada com mensagens que desaparecem" e fez comentários sobre o Signal, um aplicativo concorrente extremamente focado em privacidade.

"Existem uma série de apps que nós nos preocupamos o tempo todo", disse Cathcart. Kantrowitz enfatizou que o executivo não deu nenhum sinal de ver o Signal como uma ameaça única.

O Signal ganhou bastante popularidade no início deste ano, quando o WhatsApp anunciou sua nova política de privacidade de maneira desastrosa, levando usuários para outras plataformas. O app concorrente foi promovido até mesmo por Elon Musk nas redes sociais.

Desde então, o WhatsApp vem tentando promover uma nova comunicação sobre sua política de privacidade, para amenizar os danos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.