5 novidades que iOS 6 traz ao iPhone e ao iPad

O sistema iOS 6, revelado hoje pela Apple, traz, ao iPhone e ao iPad, mapas 3D, integração com o Facebook e novas versões do iCloud e da Siri

São Paulo — A Apple apresentou, nesta segunda-feira, a nova versão do sistema operacional do iPhone e do iPad. Chamada iOS 6, ela começa a ser distribuída agora aos desenvolvedores de aplicativos. Já a liberação para os usuários deve acontecer daqui a alguns meses. 

A nova versão vai rodar em iPhone 3GS ou mais novo, iPad 2 ou novo iPad e iPod touch de quarta geração. A atualização do sistema será gratuita para usuários desses dispositivos. Quem usa o iPad de primeira geração, porém, vai ter de continuar com o iOS 5. Confira as novidades mais importantes do iOS 6.

1 Siri agora fala no iPad

A assistente de voz Siri ganha uma nova versão com aperfeiçoamentos em sua capacidade de responder perguntas. Ela também será liberada para o novo iPad, além do iPhone 4S. Um novo modo chamado Eyes Free vai facilitar o uso do iPhone ou iPad ao dirigir.

A Apple diz que está trabalhando com fabricantes de automóveis para que a Siri possa ser acionada por meio de um botão no volante. A assistente agora fala 15 idiomas diferentes, incluindo coreano, mandarim e cantonês. Mas continua não entendendo português.

2 O Facebook chega ao iOS

Como faz com o Twitter um ano atrás, a Apple está integrando o acesso ao Facebook ao iPhone e ao iPad. Será possível publicar atualizações nessa rede social (e também no Twitter) digitando o texto na Central de Notificações ou falando, via Siri. Aplicativos como Fotos, Safari e Mapas também terão acesso ao Facebook. E, na App Store, vai ser possível “curtir” um aplicativo.

3 Mapas 3D estreiam no iPhone

O atual aplicativo Mapas, baseado no Google Maps, sai de cena. Em seu lugar, o iOS 6 terá um novo app criado pela Apple. Ele via usar uma base cartográfica da própria empresa. Vai incluir pontos de interesse, orientação por voz, informações sobre trânsito e funções como cálculo do tempo estimado de chegada.

O app pode ser acionado via Siri e tem, ainda, um modo 3D com desenhos tridimensionais de cidades. A dúvida é se tudo isso vai funcionar no Brasil, já que isso depende da existência de bons mapas locais. Além disso, como a Siri não fala português, é possível que o novo Mapas também não fale.


4 Passbook gerencia ingressos e passagens

Há um novo e intrigante app no iOS 6, o Passbook. Trata-se de uma espécie de carteira virtual onde o usuário via poder guardar coisas como passagens aéreas e ingressos para cinemas, shows e eventos esportivos. O Passbook pode até avisar quando o voo está atrasado. 

O app mostra um código de barras ou QR Code na tela para que o acesso ao evento seja liberado (no futuro, talvez isso possa ser feito via NFC, a conexão sem fio de curta distância que poderá estar no iPhone 5). Naturalmente, isso só vai funcionar se as empresas que administram cinemas, estádios e linhas aéreas aderirem.

5 iCloud agora compartilha fotos

Com o iOS 6 estreia uma nova versão do iCloud, o serviço de armazenamento de arquivos na nuvem da Apple. Ela traz a possibilidade de compartilhar fotos com os amigos de forma similar ao que acontece em serviços como o Dropbox e o Instagram.

Além disso, o iCloud passa a sincronizar as abas abertas no navegador Safari (mais ou menos como faz o Chrome, do Google). Se alguém entra em determinados sites no iPad, por exemplo, pode ver uma lista desses sites depois no Mac ou no iPhone. Um botão no Safari, com o desenho de uma nuvem, abre um menu com a lista.

6 Mais novidades

Ao atender um telefonema, será possível responder com uma mensagem ou pedir ao telefone para alertar o usuário mais tarde para que retorne a chamada. Além disso, há um modo “não perturbe”, que faz com que o iPhone receba mensagens mas não avise ao usuário quando chegar uma chamada. 

Para completar, o recurso Facetime vai permitir videochamadas também via rede celular. Até agora, isso só era possível via Wi-Fi. A Apple diz que há 200 novidades no iOS 6, mas muitas são pequenos aperfeiçoamentos que devem passar despercebidos ao usuário.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.