Em 4 anos, 30% das organizações mundiais terão produtos ou serviços no metaverso, prevê Gartner

Empresa acredita que o ambiente digital vai impactar “todos os negócios com os quais os consumidores interagem diariamente” e alerta para a importância de se posicionar de forma competitiva dentro dele o quanto antes
 (Getty Images/Getty Images)
(Getty Images/Getty Images)
I
Isabel Rocha

Publicado em 29/07/2022 às 15:48.

Última atualização em 29/07/2022 às 16:35.

Em menos de cinco anos, mais de um quarto das empresas estarão no metaverso e pelo menos 25% da população mundial passará pelo menos 1 hora por dia no ambiente digital. É o que prevê a empresa americana de consultoria em tecnologia Gartner.

“O metaverso pode estar em seu estágio inicial de desenvolvimento, mas espera-se que a transição para ele seja tão substancial quanto a do analógico para o digital”, diz a organização em um artigo publicado em seu site oficial.

Ainda de acordo com o texto, mais do que afetar a forma como o trabalho é feito no dia a dia, o metaverso também representa uma oportunidade “sem precedentes” de aprimorar e expandir modelos de negócios. Mas, para isso, é importante que empresas, líderes e colaboradores comecem a explorar a tecnologia o quanto antes.

“Para auxiliar no desenvolvimento de novos produtos e transformar o negócio, é imprescindível identificar, examinar e rastrear tecnologias emergentes  [...]. Ainda é cedo para saber quais investimentos serão viáveis ​​no longo prazo, mas os gerentes de produto devem dedicar um tempo para aprender, explorar e se preparar para que sejam capazes de se posicionar de forma competitiva no metaverso”, alerta Marty Resnick , vice-presidente de pesquisa da Gartner.

          Conteúdo gratuito: conheça as oportunidades de carreira no metaverso 

Definido como um espaço que mistura a internet, a realidade aumentada e a realidade física virtualmente aprimorada, o metaverso vem mesmo chamando a atenção do mercado. E se destaca como a principal tendência tecnológica para os próximos anos.

Não à toa, empresas como Microsoft, Apple, Nike, Disney, Dolce & Gabbana, Alibaba, Tommy Hilfiger, Renner e Itaú também já começaram a se aproximar do ambiente digital.

Mas, para que consigam adotar e implementar essa tecnologia emergente em seus negócios, empresas de todo o mundo precisam, em primeiro lugar, encontrar profissionais que saibam trabalhar com a nova plataforma.

Oportunidades no metaverso

De olho na crescente demanda do mercado por esses profissionais, a EXAME apresenta, na próxima terça-feira, 2 de agosto, a Masterclass Oportunidades no Metaverso. Virtual e totalmente gratuito, o treinamento será apresentado por Fernando Miranda, CMO da EXAME, e Flávio Tavares, CEO da Welcome Tomorrow e da Upper ADucation; e tem como principal objetivo ajudar profissionais a se posicionarem estrategicamente no setor.

Para isso, os especialistas irão apresentar as oportunidades potencialmente lucrativas que já têm surgido no metaverso e o caminho certo para aproveitá-las. Os interessados podem se inscrever clicando aqui ou no botão abaixo.

QUERO PARTICIPAR DA MASTERCLASS "OPORTUNIDADES NO METAVERSO"