Governo antecipa para maio 2ª parcela do 13º de aposentados

A antecipação da primeira parcela para abril, já havia sido anunciada como uma das medidas para conter os efeitos econômicos do coronavírus

O Ministério da Economia anunciou nesta segunda-feira a antecipação para maio do pagamento da segunda parcela do 13º de aposentados e pensionistas.

A medida é parte de um pacote voltado ao combate dos efeitos do coronavírus que, segundo o governo, prevê a destinação de um total de 83,4 bilhões de reais para a população mais vulnerável e 59,4 bilhões de reais para a manutenção de empregos.

A antecipação da primeira parcela do 13º, para abril, já havia sido anunciada na semana passada.

A antecipação da segunda parcela implicará a injeção de 23 bilhões de reais na economia, segundo o governo. Em outra iniciativa, foi anunciado que valores não sacados do PIS/Pasep serão transferidos para o FGTS para permitir novos saques, em até 21,5 bilhões de reais.

O governo também anunciou um reforço ao Bolsa Família de 3,1 bilhões de reais, o que, segundo a Economia, permitirá a inclusão de mais de 1 milhão de pessoas no programa.

Você já leu todo conteúdo gratuito deste mês.

Assine e tenha o melhor conteúdo do seu dia, talvez o único que você precise.

Já é assinante? Entre aqui.

Deseja assinar e ter acesso ilimitado?

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.