• AALR3 R$ 19,75 0.00
  • AAPL34 R$ 74,65 1.01
  • ABCB4 R$ 16,47 -0.42
  • ABEV3 R$ 14,75 1.44
  • AERI3 R$ 4,44 18.40
  • AESB3 R$ 10,73 0.85
  • AGRO3 R$ 31,86 -0.62
  • ALPA4 R$ 21,68 -0.55
  • ALSO3 R$ 19,94 1.27
  • ALUP11 R$ 26,32 0.27
  • AMAR3 R$ 2,40 7.62
  • AMBP3 R$ 29,41 -1.14
  • AMER3 R$ 23,70 2.82
  • AMZO34 R$ 73,23 1.29
  • ANIM3 R$ 5,56 3.35
  • ARZZ3 R$ 82,92 0.52
  • ASAI3 R$ 15,36 -0.78
  • AZUL4 R$ 21,17 2.37
  • B3SA3 R$ 11,30 -1.48
  • BBAS3 R$ 35,58 1.34
  • AALR3 R$ 19,75 0.00
  • AAPL34 R$ 74,65 1.01
  • ABCB4 R$ 16,47 -0.42
  • ABEV3 R$ 14,75 1.44
  • AERI3 R$ 4,44 18.40
  • AESB3 R$ 10,73 0.85
  • AGRO3 R$ 31,86 -0.62
  • ALPA4 R$ 21,68 -0.55
  • ALSO3 R$ 19,94 1.27
  • ALUP11 R$ 26,32 0.27
  • AMAR3 R$ 2,40 7.62
  • AMBP3 R$ 29,41 -1.14
  • AMER3 R$ 23,70 2.82
  • AMZO34 R$ 73,23 1.29
  • ANIM3 R$ 5,56 3.35
  • ARZZ3 R$ 82,92 0.52
  • ASAI3 R$ 15,36 -0.78
  • AZUL4 R$ 21,17 2.37
  • B3SA3 R$ 11,30 -1.48
  • BBAS3 R$ 35,58 1.34
Abra sua conta no BTG

Como declarar no imposto de renda valor recebido do exterior

Internauta recebe pagamentos do exterior e pergunta como informar os rendimentos na sua Declaração de IR

	Notas de dólares: Segundo especialista, valores recebidos do exterior estão sujeitos ao recolhimento mensal de imposto
 (Stock.xchng)
Notas de dólares: Segundo especialista, valores recebidos do exterior estão sujeitos ao recolhimento mensal de imposto (Stock.xchng)
Por Da RedaçãoPublicado em 21/01/2015 08:50 | Última atualização em 21/01/2015 08:50Tempo de Leitura: 2 min de leitura

Dúvida do internauta: Faço uma consultoria para uma empresa americana na área agrícola e recebo uma remuneração por esse trabalho, por meio de depósitos realizados direto na minha conta no Itaú. Não tenho nenhum vínculo com essa empresa, simplesmente faço os trabalhos por Skype e telefone e recebo o pagamento. Em média, são valores baixos, entre 100 e 300 dólares. Minha duvida é como declarar esses valores na Declaração de IR e quais os impostos que irei pagar.

Resposta de Samir Choaib*:

Os rendimentos provenientes de fontes pagadoras situadas no exterior estão sujeitos à incidência mensal do imposto de renda, na modalidade “carnê-leão”, que consiste em recolher, obrigatoriamente, até o último dia útil do mês seguinte ao do recebimento, o valor do imposto devido calculado mediante aplicação da tabela progressiva mensal do imposto.

Para cálculo do valor do rendimento sujeito ao carnê-leão, os valores recebidos em dólar deverão ser convertidos em reais mediante utilização da taxa do dólar fixada para compra pelo Banco Central do Brasil para o último dia útil da primeira quinzena do mês anterior ao do recebimento do rendimento.

A Receita Federal disponibiliza em seu site o programa Carnê-Leão, que auxilia o contribuinte no cálculo do imposto e emissão de DARF.

Destaque-se que, muito embora o recolhimento do imposto de renda deva ser efetuado mensalmente, as informações de rendimento e imposto pago somente deverão ser prestadas à Receita Federal uma vez ao ano, mediante entrega da Declaração de Ajuste Anual.

Esses valores deverão ser informados no campo “Rendimentos Tributáveis Recebidos de Pessoa Física e do Exterior” de sua declaração.

*Samir Choaib é advogado e economista formado pela Universidade Mackenzie, pós-graduado em direito tributário pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). É sócio do escritório Choaib, Paiva e Justo, Advogados Associados, especialista em imposto de renda de pessoas físicas e responsável pela área de planejamento sucessório do escritório. É o atual chairman da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos da Flórida (BACCF), em São Paulo.

Dúvidas, observações ou críticas sobre a resposta acima? Deixe seu comentário abaixo!

Envie outras perguntas sobre imposto de renda para seudinheiro_exame@abril.com.br.