Como fazer | Todos contra o desperdício no Pão de Açúcar

Adotando a filosofia de operação enxuta criada pela Toyota, o Grupo Pão de Açúcar tornou mais eficiente seu principal centro de distribuição

O diretor de operações logísticas do Grupo Pão de Açúcar, Alexandre Westphalen, traçou em 2017 a meta de tornar mais eficiente o principal centro de distribuição da empresa, localizado em Osasco, na região metropolitana de São Paulo. “Percebemos que tínhamos desperdícios de material, de tempo e de recursos que poderiam ser evitados”, diz ele.

A inspiração para resolver o problema veio da filosofia lean (“enxuta”), desenvolvida pela montadora Toyota, no Japão, e que tem como foco a redução de desperdícios. Com base nela, o GPA criou um método que busca aprimorar quatro áreas: processos (excelência operacional), ambiente (segurança e organização), gestão (autonomia do funcionário) e cultura (melhoria contínua).

Na prática, funcionários de diversos setores foram convidados a formar um grupo para resolver, em uma semana, um problema do centro de distribuição. Nesse período, eles vivenciaram a situação e refizeram o modelo de trabalho. Em uma ação para otimizar a troca de bateria de empilhadeiras, por exemplo, a equipe envolvida conseguiu reduzir o tempo de 5 minutos para menos de 2 minutos — um ganho de 14.000 horas de trabalho por ano. Veja o passo a passo do método, que vai ser replicado em outros centros de distribuição do GPA.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.