Como fazer | Meu colega robô

Seguradora Zurich automatizou área de sinistros, realocando 30 profissionais para outras equipes, que já implementaram 26 melhorias de gestão

A robotização deixou de ser coisa do futuro para a seguradora Zurich em 2017. Ao identificar uma série de atividades operacionais repetitivas, a empresa decidiu automatizar, por meio de softwares, a área de sinistros. “Quando havia roubo de um celular, por exemplo, o analista tinha de comparar dados de boletim de ocorrência com os da apólice”, diz Marcelo Alvalá, diretor executivo de operações e tecnologia da Zurich.  “Já existiam tecnologias para reconhecimento de caracteres e algoritmos que pudessem cumprir esse tipo de função.”

Dessa forma, a direção da companhia optou pela robotização, mas deparou com um dilema: a introdução da tecnologia causaria a extinção de 30 vagas, equivalente a cerca de 10% do total de funcionários de uma das principais áreas da Zurich. O movimento entraria em choque com uma das filosofias da empresa — a retenção de talentos. A solução foi focar as pessoas.

A companhia montou um programa para analisar quais funcionários perderiam o cargo, que novas posições poderiam assumir e o que precisariam aprender para tal. Ao longo de dois anos, a Zurich conseguiu treinar e realocar todos os profissionais, sem demitir nenhum deles. Veja o passo a passo a seguir.

Você já leu todo conteúdo gratuito deste mês.

Assine e tenha o melhor conteúdo do seu dia, talvez o único que você precise.

Já é assinante? Entre aqui.

Deseja assinar e ter acesso ilimitado?

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.