A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Com a incerteza política, bancos ficam mais pessimistas

Segundo o JP Morgan, as ações brasileiras estão caras em relação à sua média

São Paulo – Com o aumento da incerteza política, cinco bancos já reduziram suas projeções para o Ibovespa neste ano: Banco do Brasil, Itaú, JP Morgan, Santander e UBS. Na média, eles esperam que o índice chegue a dezembro em torno de 67.000 pontos, 10% menos do que previam no início do ano.

Se o número se confirmar, o rendimento obtido pelos investidores que colocarem dinheiro em ações do Ibovespa hoje será de cerca de 10%, baixo demais para compensar o risco, na avaliação de alguns bancos — que, por essa razão, pararam de recomendar a aplicação na bolsa.

Segundo o JP Morgan, as ações brasileiras estão caras em relação à sua média: o índice que mede a relação entre o preço dos papéis e o lucro das empresas está em 10,9 vezes hoje, enquanto a média é de 10,7 vezes nos últimos dez anos.

A principal consequência da crise política, na avaliação dos analistas, é que a chance de aprovação de reformas diminui — e, sem isso, os investidores estrangeiros devem relutar em colocar mais dinheiro na bolsa brasileira.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também