Pop

Cher contrata quatro homens para sequestrar seu filho em Los Angeles

De acordo com o portal Daily Mail, o filho e sua esposa estavam em um quarto de hotel na cidade, quando quatro homens invadiram

LOS ANGELES, CALIFORNIA - APRIL 16: Cher attends the Los Angeles Special Screening of Searchlight Pictures' "Chevalier" at El Capitan Theatre on April 16, 2023 in Los Angeles, California. (Photo by Robin L Marshall/FilmMagic) (Robin L Marshall/Getty Images)

LOS ANGELES, CALIFORNIA - APRIL 16: Cher attends the Los Angeles Special Screening of Searchlight Pictures' "Chevalier" at El Capitan Theatre on April 16, 2023 in Los Angeles, California. (Photo by Robin L Marshall/FilmMagic) (Robin L Marshall/Getty Images)

Antonio Souza
Antonio Souza

Repórter da Home e Esportes

Publicado em 27 de setembro de 2023 às 10h06.

Última atualização em 27 de setembro de 2023 às 10h06.

A cantora Cher teria contratado homens para sequestrar o seu filho. Foi o que acusou a ex-nora da artista, Mariengela King, em depoimento para justiça de Los Angeles, nos Estados Unidos, nesta terça-feira, 26.

O caso aconteceu em novembro de 2022, na mesma Los Angeles. Mariengela era casada com Elijah Blue Allman, filho de  Cher com seu segundo marido, Gregg Allma.

Fique por dentro das últimas notícias no WhatsApp da Exame.

De acordo com o portal Daily Mail, os dois estavam em um quarto de hotel na cidade, quando quatro homens invadiram e levaram Elijah. Em sua declaração ao tribunal, Mariengela disse queos dois  passaram 12 dias em Nova York tentando melhorar seu casamento.

Funcionários preocupados do hotel têm procurado Cher regularmente devido à sua aparência aparentemente drogada, disseram fontes ao DailyMail.com .

“Praticamente todas as manhãs e tardes, Elijah podia ser visto na frente do hotel, na calçada, encostado na parede ou sentado na calçada, fumando”, disse um deles.

Quem é Cher?

Cher, já chamada de "Deusa do Pop", é transformada no perfeito exemplo de artista especialista em criar sucessos, capaz de se reinventar e adaptar-se aos novos tempos sem perder sua personalidade.

Ganhadora do Oscar de melhor atriz ("Feitiço da Lua"), do Emmy ("Cher: The Farewell Tour"), do Globo de Ouro ("The Sonny and Cher Comedy Hour", "Silkwood - O Retrato de uma Coragem" e "Feitiço da Lua") e do Grammy ("Believe"), se trata da única artista capaz de alcançar o topo em cada uma das últimas séries

O último exemplo disso foi com o filme musical "Burlesque" (2010), onde compartilhava cenas com Christina Aguilera. Uma das canções que gravou para a trilha sonora do filme, a balada "You Haven't Seen the Last of Me", alcançou o topo da lista de dance music da revista "Billboard".

Seu último disco, o 26º da carreira, foi "Closer To The Truth", lançado em setembro de 2013, que chegou após um período no qual realizou um espetáculo em Las Vegas, dentro do Coliseu do hotel Caesar's Palace, onde recebeu US$ 180 milhões.

Cher, que começou no mundo do espetáculo como dançarina, começou a despontar em 1965 na dupla Sonny & Cher, formada ao lado de seu marido Sonny Bono, de quem se divorciou em 1975.

Antes tinham lançado juntos o bem-sucedido programa de televisão "The Sonny & Cher Comedy Hour", na rede "CBS".

Na época, músicas como "I Got You Babe" e "Baby Don't Go" tinham posto seus refrãos na boca de todo o mundo e alavancaram sua carreira solo.

A partir daí começou explodir seu talento e personalidade em uma carreira marcada por seus sucessos e as chamativas roupas, que refletiam sua personalidade única, mostrando a intenção de revelar sua veia camaleônica.

Assim chegou sua oportunidade na Broadway com "Come Back to the Five and Dime, Jimmy Dean, Jimmy Dean", de Robert Altman, que ganhou uma adaptação no cinema.

Os anos 1980 viu também o lançamento de discos como "I Paralyze", "Cher" e "Heart of Stone", que continha a célebre "If I Could Turn Back Time".

E na chegada dos anos 1990, quando parecia que sua magia diminuiria, Cher se renova e surge com canções dançantes e tira da manga o disco "Believe", cuja canção homônima, se transformou em um dos maiores sucessos de todos os tempos.

No plano pessoal, nos últimos anos, a artista foi notícia por sua luta pelos direitos dos homossexuais e, especialmente, pelo apoio que deu a sua filha, Chastity Bono - fruto de seu casamento com Sonny Bono - quando decidiu mudar de sexo.

Após várias operações, Chaz Bono passou a ser reconhecido como um homem a partir de 2010.

Hoje em dia, Cher se mantém muito ativa nas redes sociais, especialmente no Twitter, onde possui mais de três milhões de seguidores, enquanto espera que se concretize um projeto que acaricia há muito tempo: um musical da Broadway baseado em sua vida, que está sob a responsabilidade de Rick Elice.

Acompanhe tudo sobre:CantoresSequestrosArtistas

Mais de Pop

Preso por estelionato: Saiba quem é Nego Di e quais são as investigações que o cercam no momento

Que horas começa 'House of the Dragon'? Veja horário e onde assistir online

Shannen Doherty, atriz de 'Barrados no Baile', morre aos 53 anos

Por que hoje é o Dia Mundial do Rock? Saiba a origem da data

Mais na Exame