Indike ajuda usuário a encontrar profissionais qualificados

Em testes há um ano, plataforma reúne mil profissionais cadastrados, entre advogados, professores, dentistas e outras especialidades
 (EXAME.com)
(EXAME.com)
D
Daniela MoreiraPublicado em 17/10/2011 às 15:58.

São Paulo – Facilitar a localização de profissionais qualificados para cumprir tarefas diversas – de dentistas a cabeleireiros a encanadores e professores – é o objetivo do Indike, serviço desenvolvido por Leandro Ramos, Thiago Lisboa e Renan Gonçalves.

“Quando você contrata um serviço deste tipo, normalmente pede a indicação de alguém. No Indike, você encontra essas recomendações online”, explica Ramos.

Os profissionais podem se cadastrar gratuitamente para oferecer seus serviços através da plataforma e ter seu perfil avaliado por outros usuários. Os empreendedores pretendem faturar vendendo assinaturas de planos premium para os profissionais, com recursos adicionais aos gratuitos.

Criada com recursos próprios, a ferramenta está no ar em beta desde final de 2010 e já tem cerca de mil profissionais cadastrados. Agora, os empreendedores decidiram largar seus respectivos empregos para se dedicar exclusivamente a ela. “Acreditamos que para chegar onde a gente quer, precisamos ter dedicação integral”, explica Ramos.

Tendo investido cerca de 30 mil reais do próprio bolso no projeto, os fundadores agora estão em busca de investimento externo. “Já estamos conversando com dois fundos”, antecipa Ramos.

Formado em administração de empresas pela USP, Ramos exerceu o cargo de coordenador de rentabilidade e novos negócios por quatro anos no Itaú-Unibanco antes de sair para se dedicar ao Indike. Gonçalves é graduado em sistemas de informação pelo Instituto Mackenzie e foi analista programador no Grupo BuscaPé durante os últimos três anos. Lisboa, formado em engenharia da computação pela Unicamp, atuou como gerente comercial no Itaú durante quatro anos antes de entrar no projeto.