• AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
  • AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
Abra sua conta no BTG

Empreender ou carro novo? 12 franquias por menos que um veículo popular

Com o aumento dos preços dos veículos, talvez valha a pena investir o dinheiro em um negócio próprio. EXAME selecionou algumas opções de franquias que custam menos que um carro popular
Pelos preços dos veículos atuais é possível adquirir desde negócios home based, microfranquias até operações físicas de pequeno porte. (Thinkstock/Thinkstock)
Pelos preços dos veículos atuais é possível adquirir desde negócios home based, microfranquias até operações físicas de pequeno porte. (Thinkstock/Thinkstock)
Por Luciana LimaPublicado em 06/04/2022 10:47 | Última atualização em 07/04/2022 12:43Tempo de Leitura: 5 min de leitura

Depois da pandemia, comprar um carro novo está pesando no bolso dos brasileiros. Com dólar alto e falta de componentes, os preços dos automóveis dispararam 47,95% em 2021. Segundo a plataforma CupomValido.com.br, que compilou os preços da Tabela Fipe e dados da Scrap Car Comparion, um carro popular hoje não sai por menos de 50 mil reais. 

Garanta o seu lugar entre as melhores do Brasil, entre no ranking Negócios em Expansão 2022

Mas, e se ao invés de comprar um carro novo você usasse o dinheiro para empreender? Uma opção é investir em franquias. Pelos preços dos veículos atuais é possível adquirir desde negócios home based, microfranquias até operações físicas de pequeno porte. 

Por isso, EXAME selecionou algumas opções de franquias que custam menos que um carro popular para quem quiser investir em um negócio ao invés de comprar um veículo novo. Como sempre, antes de assinar o contrato, o ideal é conversar com outros franqueados, ler atentamente o COF (Circular de Oferta de Franquia), além de estudar o mercado.

As informações a seguir foram fornecidas pelas próprias franqueadoras.

Confira, a seguir, 12 franquias que custam menos que um carro popular (R$ 50 mil):

1. Franquiunhas

A franquia da empresa Acetona Cruzeiro, é voltada para manicures que queiram trabalhar à domicílio. Com 15 unidades em Goiânia (GO), o franqueado recebe o material para inicialização na prática e tem acesso à uma plataforma de cursos da Acetona Cruzeiro. 

Investimento inicial: R$8.100 mil. 

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora):  Um a dois meses. 

2. Ceopag 

Fundada em 2018 por um grupo de empreendedores de São José do Rio Preto (SP), a Ceopag é uma fintech de meios de pagamento, que conta com maquininhas de cartão, links de pagamentos e aplicativo de delivery. Atualmente, conta com uma rede de 690 franqueados. 

Investimento inicial: R$ 10 mil. 

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora):  Três a seis meses.

3. Mania de Passar 

Microfranquia pioneira em passadoria de roupa. A rede atua no formato home based, com sistema “Leva e Traz”. O cliente contrata o serviço por assinatura mensal, ou seja, semanalmente o franqueado busca as roupas limpas na casa do cliente, faz toda conferência, higienização, passadoria e embalagem. Conta com 66 unidades espalhadas pelo Brasil.

Investimento inicial: R$ R$ 14.800 (para cidades de até 50 mil habitantes). 

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora): Seis a nove meses.

4. Torky 

Microfranquia de reparo de instrumentos musicais. O modelo de negócio principal, o Case Torky, consiste em uma bag reparadora com 50 ferramentas onde o franqueado realiza cerca de 70 serviços, como regulagem, troca de trastes, limpeza, blindagem, etc. Conta com três unidades.

Investimento inicial: R$ 15.990 mil 

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora): 12 a 15 meses.

5. Vai Voando

Criada há mais de 12 anos, a Vai Voando é uma agência de turismo focada nas classes C e D, que já vendeu mais de 920 mil passagens. Pertencente à BeFly, a companhia entrou para o modelo de franquias em 2019 e, desde então, criou uma rede com 200 franqueados.

A empresa oferece passagens rodoviárias, hospedagens, pacotes de viagens e ingressos. Também possui um modelo de modalidade de pré-pagamento, em que é possível financiar os pacotes.

Investimento inicial: R$ 17 mil

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora): Em média oito meses.

6. Camiseta da Hora 

Rede de franquias home office que trabalha com a venda de camisetas on-line, sem a necessidade de estoque físico. A franqueadora realiza todo o processo de confecção e envio das peças e o franqueado fica responsável pela prospecção de novos clientes.   

Investimento inicial: R$ 25 mil 

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora): Seis meses.

7. Artes Filmes

Franquia de produtora de vídeos que trabalha intermediando os serviços de streaming (lives), live commerce, podcast e locação de equipamentos para empresas. A Artes Filmes conta uma plataforma que conecta mais de 400 profissionais homologados (locutores, produtores, operadores de câmera, assistente e casting) em seu banco de dados.

Investimento inicial: R$ 30 mil 

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora): 12 a 16 meses.

8. citybens

A citybens começou como uma fintech e hoje é uma rede de franquias, em formato home office, que conta com um algoritmo que personaliza consórcios. Na prática, o franqueado realiza o atendimento para as pessoas e empresas. Em 2021, a Citybens transacionou quase R$ 600 milhões em créditos comercializados. Com dez unicades, a rede tem a expectativa de chegar próximo a R$ 1 bilhão em consórcios em 2022. 

Investimento inicial: R$ 30 mil

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora): Oito meses.

9. GOU Odonto

A GOU Odonto é uma rede de franquias de clínicas odontológicas que possui 130 unidades espalhadas pelo país. Entre os serviços que oferece estão Raio-X digitais, clareamento com luz de LED, implantes odontológicos e alinhadores invisíveis. Fundada em 2010, a rede possui modelo de conversão de clínicas e entrou para o mercado de franquias em 2012. 

Investimento inicial: R$ 30 mil. 

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora):  Três meses. 

10. Seguralta

Com 54 anos de mercado, a Seguralta está presente em todo o país e possui mais de 1600 unidades operando em três modelos de negócio: home based, standard e basic. É a maior rede de franquias de Seguros no Brasil e a 9º maior franquia brasileira segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Investimento inicial: R$ 30 mil
Previsão de retorno (estimado pela franqueadora): 12 a 14 meses.

11. Rede elétrica solar 

Com mais de nove anos de atuação no mercado brasileiro de energia renovável, a Rede elétrica solar tem entre seus sócios os famosos Sabrina Sato e Duda Nagle. Oferecendo soluções de energia fotovoltaica, a rende conta com 15 franquias e já instalou 32 mil painéis solares. Até o final do ano, a meta é inaugurar mais de 50 franquias.

nvestimento inicial: R$ 35 mil 

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora): Seis meses. 

12. Mary Help

A Mary Help é uma rede de franquias de seleção e intermediação de diaristas e mensalistas. Atualmente com 146 unidades, a empresa faturou R$ 76,5 milhões em 2021 e, atualmente, contabiliza cerca de 5,5 mil diaristas ativas. 

Investimento inicial: R$ 40  mil 

Previsão de retorno (estimado pela franqueadora): 12 a 14 meses.