Volkswagen Caminhões suspende produção na semana que vem em Resende

A parada começa na segunda-feira e vai até o domingo, que se tornou um dia útil já que, diante dos atrasos no fornecimento de componentes

A fábrica da Volkswagen Caminhões e Ônibus em Resende, no sul do Rio de Janeiro, vai suspender a produção na semana que vem em razão do agravamento da pandemia e da irregularidade no abastecimento de peças.

A parada começa na segunda-feira e vai até o domingo, que se tornou um dia útil já que, diante dos atrasos no fornecimento de componentes, a montadora vinha usando os fins de semana para finalizar caminhões.

De acordo com nota oficial da montadora, os motivos são agravamento da pandemia de covid-19, acompanhando as medidas de restrição tomadas pelas autoridades municipais e estaduais do Rio de Janeiro e de São Paulo, e a situação crítica de desabastecimento de peças”.

A fabricante se soma, assim, aos concorrentes Mercedes-Benz, Scania e Volvo, cujas fábricas também vão ter produção suspensa por conta da crise sanitária. No segmento de carros, a Volkswagen, Toyota e a Nissan tomaram a mesma decisão.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.