Tyson Foods prevê menos lucro por fraqueza em carne bovina

Os papéis da empresa caíam 8 por cento em negociações antes da abertura do mercado nesta segunda-feira

A Tyson Foods, maior processadora de carne dos Estados Unidos, cortou sua previsão de lucro para o ano que se encerra em setembro, citando interrupções no mercado de exportações em seu negócio de carne bovina e os altos custos com gado.

Os papéis da empresa caíam 8 por cento em negociações antes da abertura do mercado nesta segunda-feira. A companhia disse esperar lucro ajustado para o ano de 3,10 a 3,20 dólares por ação, ante previsão anterior de 3,30 a 3,40 dólares por papel.

Para o terceiro trimestre fiscal, a Tyson divulgou um aumento de 4 por cento nas vendas, a 10,07 bilhões de dólares.

O lucro líquido atribuível à companhia subiu para 343 milhões de dólares, ou 0,83 dólar por ação no terceiro trimestre, de 260 milhões, ou 0,73 dólar por ação, um ano antes.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.