Negócios

Tinder conclui filmagens de sua primeira série original, dizem fontes

A controladora do aplicativo de relacionamento, Match Group, estaria tentando se aprofundar na criação de conteúdo original

 (Mike Blake/Reuters)

(Mike Blake/Reuters)

R

Reuters

Publicado em 16 de setembro de 2019 às 16h18.

O popular aplicativo de namoro Tinder encerrou as filmagens de sua primeira série de televisão, com a controladora Match Group buscando se aprofundar na criação de conteúdo original, disseram fontes com conhecimento direto do projeto à Reuters.

Fazer novos seriados faz parte de uma estratégia maior que será revelada em um futuro próximo, disse uma porta-voz à Reuters, recusando-se a elaborar os planos. A fonte familiarizada com a produção disse que se trata da primeira incursão do Tinder na criação de uma plataforma online de conteúdo de vídeo com script.

A série de múltiplos episódios se concentra em uma história "apocalíptica" e inclui uma subtrama de relacionamento, mas não está diretamente conectada ao negócio principal de aplicativos de namoro de Tinder, disse a fonte. A série foi filmada na Cidade do México no final de agosto.

A decisão do Tinder não deve ser uma grande surpresa, dada as origens da companhia. A Match é detida majoritariamente pela IAC, fundada pela lenda de Hollywood e pelo presidente do conselho da IAC, Barry Diller.

Em outubro passado, o Tinder lançou um site de estilo de vida chamado Swipe Life para publicar conteúdo original, incluindo artigos e vídeos sobre namoro e relacionamentos.

A oferta de conteúdo original é uma estratégia cada vez mais popular para os setores de tecnologia e varejo, principalmente nos EUA, que já atraíram milhões de usuários dedicados. O Walmart está trabalhando com a MGM para impulsionar o serviço de vídeo Vudu do Walmart. A Costco Wholesale também considerou planos no mercado de produções audivisuais para manter os clientes interessados ​​na marca.

A estratégia procura envolver os usuários em um nível mais profundo, mesmo quando eles não estão usando o serviço. Isso poderia ajudar a Match a manter o rápido crescimento de sua base de usuários. As ações da companhia subiram mais de 75% este ano, impulsionada pela expansão dos usuários.

A Reuters informou em abril que o Airbnb tem ambições de desenvolver uma série de programas originais para estimular o apetite dos clientes por viagens.

Por vários anos, o Airbnb considerou várias idéias para criar ou licenciar minisséries e documentários sobre viagens, além de shows com residências, convidados e anfitriões do serviço, de acordo com a reportagem da Reuters.

Não ficou claro quando a primeira série do Tinder será lançada ou como o Match Group a promoverá.

Acompanhe tudo sobre:SériesTinder

Mais de Negócios

Marca de infusões orgânicas cresce com aumento do consumo de chás no Brasil e fatura R$ 6 milhões

Descubra 4 formas de pedir empréstimo e quais são as vantagens e desvantagens de cada uma

Apoio Financeiro no RS: prazo para adesão ao termina nesta sexta-feira; saiba como se inscrever

Com nova fábrica, Gelato Borelli vai triplicar produção e planeja faturar R$ 360 milhões em 2024

Mais na Exame