Sony tem maior lucro de primeiro trimestre desde 2007

O lucro operacional no período de abril a junho subiu 39 por cento, para 96,9 bilhões de ienes (780,8 milhões de dólares)

Tóquio - A Sony divulgou nesta quinta-feira o maior lucro de primeiro trimestre fiscal da companhia desde 2007, impulsionado por fortes vendas de sensores para câmeras digitais e consoles de videogame PlayStation 4.

O lucro operacional no período de abril a junho subiu 39 por cento, para 96,9 bilhões de ienes (780,8 milhões de dólares), ante a estimativa média de 73,3 bilhões entre 18 analistas consultados pela Reuters.

O resultado vem após a Sony anunciar no mês passado a primeira operação para levantar capital em um quarto de século, fazendo suas ações despencarem. A Sony disse que usará os fundos para impulsionar a produção de sensores de imagens, que estão agora entre seus produtos com vendas mais fortes.

O presidente-executivo, Kazuo Hirai, está apostando em sensores para ancorar uma reestruturação na Sony, que está se afastando de produtos como smartphones e TVs diante da ferrenha competição com rivais asiáticas mais baratas e gigantes da indústria como Apple e Samsung.

A forte demanda de fabricantes de smartphones, que estão concorrendo para oferecer câmeras frontais e traseiras de alta qualidade em celulares, tem ajudado a impulsionar as vendas de sensores fotográficos da Sony.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também