Renault lança serviço de carro por assinatura mais barato do Brasil

A montadora engrossa um movimento iniciado, no Brasil, por marcas como Audi, Toyota, Volkswagen, Fiat e Jeep

Engrossando um movimento iniciado por montadoras como Toyota, Audi, Volkswagen, Fiat e Jeep, no Brasil, a Renault acaba de entrar no negócio de carro por assinatura. Intitulado de Renault On Demand, o serviço promete ser o mais barato do país atualmente.

"Após a pandemia, muitas pessoas voltaram a avaliar a compra de um carro e acreditamos que a demanda por esse modelo de negócio será grande", afirma Bruno Hohmann, vice-presidente comercial da Renault Brasil.

O serviço será ofertado tanto para pessoa física quanto pessoa jurídica. Assim como serviços similares lançados recentemente no mercado, o contrato de carro por assinatura da Renault engloba seguro, gestão de documentos, assistência nacional 24 horas (incluindo carro reserva) e revisões programadas.

No final do ano passado, a Volkswagen lançou o serviço com a promessa de "preços competitivos". Pouco depois, Fiat e Jeep também fizeram o seu lançamento, destacando a ideia de mobilidade do jeito que o cliente escolher. A Caoa também entrou no segmento e a tendência é que esse modelo de negócio só cresça no país.

Os modelos de carros oferecidos pela Renault serão, inicialmente, duas versões do Kwid, o Sandero Stepway e o SUV Duster. A ideia, segundo Hohmann, é ampliar esse leque no futuro, incluindo um carro elétrico.

Os contratos, que podem ser de 12, 18 ou 24 meses, custam a partir de 869 reais por mês. Há limite de quilometragem, mas se for excedido, será cobrado 50 centavos por quilômetro adicional. A Renault avisará, entretanto, se o cliente tiver ultrapassado muito a franquia para que ele não tenha uma surpresa negativa ao final do mês.

Confira os preços dos contratos de assinatura:

Kwid Zen 1.0 - a partir de 869 reais por mês

Kwid Outsider 1.0 - a partir de 979 reais por mês

Sandero Stepway Iconic 1.6 automático  - a partir de 1.530 reais por mês

Duster 1.6 automático - a partir de 1.699 reais por mês

A montadora destaca que a contratação do serviço é feita totalmente online e demora cerca de 10 minutos para ser concluída.

"O cliente quer comodidade e um bom produto", diz Hohmann.

Segundo o executivo, o perfil de cliente do Kwid, por exemplo, não quer desembolsar tanto para pagar a entrada de um modelo novo e quer planejamento para sua segurança financeira.

A montadora não tem uma meta de assinaturas, mas Hohmann garante que esse serviço ainda vai crescer muito no Brasil, assim como já acontece em outros países. Ele cita como exemplo a França, onde a marca tem sua matriz. Por lá, o executivo afirma que 25% das vendas de carros novos já são pelo modelo de assinatura.

"Se atualmente as pessoas consomem tudo sob demanda, por que com o carro tem que ser diferente?", indaga o executivo.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.