Portugal investiga compra de empresa brasileira pela TAP

Um comunicado diz que as autoridades suspeitam de um acordo envolvendo corrupção, lavagem de dinheiro e apropriação indébita

Lisboa – A Procuradoria-Geral de Portugal afirmou que investigadores conduziram buscas nas instalações da TAP Air Portugal como parte de uma investigação sobre a compra de uma empresa de manutenção de aeronaves brasileira pela companhia aérea.

Um comunicado diz que as autoridades suspeitam de um acordo envolvendo corrupção, lavagem de dinheiro e apropriação indébita, entre outros crimes.

A nota, divulgada nesta sexta-feira, ainda diz que no momento não há suspeitos formais no caso, sem fornecer outros detalhes.

A investigação diz respeito à aquisição da VEM, uma empresa de manutenção e engenharia que pertenceu à extinta companhia aérea brasileira Varig Airlines.

A TAP foi parcialmente privatizada no ano passado e agora 50% da companhia pertence ao consórcio Atlantic Gateway. Fonte: Associated Press.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.