Por US$ 620 mi, Sanofi vende à Pfizer medicamento contra câncer

Com isso, farmacêutica francesa cumpre condições de autoridade antitruste para aprovar;compra da Aventis
 (EXAME.com)
(EXAME.com)
D
Da RedaçãoPublicado em 01/06/2011 às 09:22.

No rastro de sua aquisição da Aventis, o grupo farmacêutico francês Sanofi-Synthélabo vai vender à americana Pfizer seu medicamento Campto, para tratamento de câncer colorretal, por 620 milhões de dólares, ou 509,6 milhões de euros, informa o The Wall Street Journal nesta sexta-feira (25/6).

A Sanofi já tinha concordado em desfazer-se também das patentes e plantas de produção das drogas Arixtra e Fraxiparine, de combate à trombose, vendendo-as por 453 milhões de euros à concorrente britânica GlaxoSmithKline.

A Sanofi deve vender uma série de produtos para enquadrar-se às condições impostas pelas autoridades de proteção à concorrência, garantindo assim que seja autorizada a aquisição da Aventis por 52 bilhões de euros, diz o The Wall Street Journal, negócio que deve ser concluído em 30 de julho.

A Pfizer vai encampar também os testes clínicos para avaliar a efetividade do Campto no tratamento de outros tipos de câncer.