A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Pessoas vacinadas devem usar máscara? Empresas nos EUA se dividem

JPMorgan, Southwest Airlines e Walmart estão dizendo que seus funcionários vacinados poderão trabalhar sem as máscaras. Outros, como o Citigroup, ainda exigem o uso

A decisão do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA de relaxar as diretrizes de uso de máscara e distanciamento social para americanos vacinados obrigou empregadores a determinar rapidamente quais regras devem ser aplicadas em seus locais de trabalho.

JPMorgan, Southwest Airlines e Walmart estão dizendo que seus funcionários vacinados poderão trabalhar sem as máscaras. Outros, como o Citigroup, ainda exigem o uso. O M&T Bank Corp. e a Starbucks permitiram que clientes vacinados, mas não funcionários, eliminem a cobertura facial.

O CDC pegou empregadores e trabalhadores de surpresa ao reverter sua própria política e anunciar, no dia 13 de maio, que pessoas vacinadas podem agora largar o uso de máscaras na maioria das situações e não precisam mais fazer o distanciamento social, ao mesmo tempo em que manteve as restrições para aqueles que não foram vacinados. Até sexta-feira, 48% dos adultos norte-americanos foram considerados totalmente vacinados e 61% tomaram pelo menos uma dose, de acordo com o CDC.

As novas regras criaram uma “cascata de confusão”, disse Neal Mills, diretor médico da corretora de seguros Aon. Apenas um cliente que ele conhece tem uma força de trabalho 100% vacinada, e os níveis de inoculação podem variar amplamente, mesmo dentro de subgrupos da mesma empresa.

A Amazon.com disse que não exigirá mais que os funcionários vacinados do depósito usem máscaras, desde que esses funcionários atualizem seus dados de vacinação no portal da empresa. O JPMorgan também exige que os funcionários documentem seu status de vacinação. A United Airlines está assumindo uma postura semelhante em seus escritórios fora do aeroporto, tornando opcionais as coberturas faciais para aqueles que provarem que já foram vacinados.

As regras são díspares, mesmo dentro das mesmas indústrias. Embora a United e a Southwest tenham tornado as máscaras opcionais para os trabalhadores vacinados em seus escritórios, Delta Air Lines e American Airlines exigem o uso para os funcionários em suas instalações corporativas, de acordo com representantes das empresas. Todos os trabalhadores de companhias aéreas em aviões e aeroportos ainda devem usar máscaras, de acordo com as estimativas do CDC.

Costco Wholesale e Target eliminaram os requisitos de máscara para clientes vacinados. A Apple e muitos outros varejistas não relaxaram suas determinações.

O Walmart, maior empregador privado do país, disse que estava deixando de lado sua exigência de máscara para funcionários totalmente vacinados em todos os locais, centros de distribuição e escritórios do Walmart e Sam’s Club nos EUA. Não é exigindo comprovante de vacinação. Mas há um porém, como na maioria dos locais de trabalho - as máscaras ainda podem ser exigidas pelas leis locais.

Essas regras locais aumentam as complexidades. Enquanto Nova York tem deixado de lado o uso de máscaras para os vacinados, Nova Jersey ainda as exige. Califórnia, o estado mais populoso, vai manter o uso de máscaras em vigor até meados de junho.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também