Oncoclínicas compra fatia de espanhola Medsir por 5,75 milhões de euros

Do total a ser pago pela Oncoclínicas, 3 milhões de euros serão desembolsados aos atuais acionistas da MEDSIR e o restante refere-se a um aporte de capital
Oncoclínicas: A empresa brasileira afirma que a aquisição a MEDSIR agrega "expertise em pesquisa clínica oncológica e ensaios clínicos internacionais" (Imagem/Divulgação)
Oncoclínicas: A empresa brasileira afirma que a aquisição a MEDSIR agrega "expertise em pesquisa clínica oncológica e ensaios clínicos internacionais" (Imagem/Divulgação)
R
ReutersPublicado em 21/03/2022 às 10:23.

 A Oncoclínicas disse nesta segunda-feira que assinou contrato para a aquisição de 49% da MEDSIR, empresa espanhola de pesquisa de tratamentos inovadores para pacientes com câncer, por 5,75 milhões de euros (cerca de 32 milhões de reais).

A Oncoclínicas pode adquirir, por meio de opções, o restante da MEDSIR ao longo dos próximos anos, em operação sujeita ao cumprimento de algumas metas pré-estabelecidas, segundo fato relevante ao mercado.

Do total a ser pago pela Oncoclínicas, 3 milhões de euros serão desembolsados aos atuais acionistas da MEDSIR e o restante refere-se a um aporte de capital, com o objetivo de acelerar o crescimento da companhia nos mercados europeu e norte-americano, além de possibilitar a entrada no Brasil e América Latina.

"Também são contemplados pagamentos adicionais que podem totalizar 3,5 milhões de euros, sujeitos ao atingimento de metas operacionais específicas pré-acordadas para os próximos anos", diz a Oncoclínicas.

A empresa brasileira afirma que a aquisição a MEDSIR agrega "expertise em pesquisa clínica oncológica e ensaios clínicos internacionais" à sua crescente plataforma de dados genômicos e clínicos.

O fechamento da transação depende de condições incluindo a aprovação pela Autoridade de Investimento Direto Estrangeiro na Espanha.