Negócios
Acompanhe:

Nord: casa de investimentos mira R$ 6 bilhões sob gestão até 2024 e entrada no mercado de seguros

Fundada em 2018 como uma casa de análises de investimentos pelos ex-Empiricus Renato Breia, Marilia Fontes e Bruce Barbosa, Nord desdobrou negócios para gestora e consultoria CVM

Bruce Barbosa, Renato Breia e Marilia Fontes, da Nord: trio tem mais de 340.000 seguidores só no Instagram (Divulgação/Divulgação)

Bruce Barbosa, Renato Breia e Marilia Fontes, da Nord: trio tem mais de 340.000 seguidores só no Instagram (Divulgação/Divulgação)

D
Da Redação

Publicado em 20 de janeiro de 2023, 11h23.

Última atualização em 20 de janeiro de 2023, 13h59.

Fundada por Renato Breia, Marilia Fontes e Bruce Barbosa, três dos principais influenciadores sobre o tema investimentos pessoais na internet brasileira, a gestora Nord planeja entrar no mercado de seguros.

Para oferecer produtos de seguros, a Nord trouxe para dentro de casa Nélio Costa, profissional com certificação plena da Susep e oito anos de experiência no setor.

"Nós temos total conhecimento sobre a realidade financeira dos nossos clientes e podemos indicar seguros e previdência realmente adequados aos objetivos do investidor", diz Renato Breia.

A entrada no mercado de seguros será um passo natural na Nord, fundada em 2018 como uma casa de análise focada em investidores pessoa física.

De lá para cá, a Nord abriu uma gestora de recursos, a Nord Asset. Nos planos está, também, ter uma corretora. Hoje a casa atua com os seguintes produtos:

  • Research, com assinaturas voltadas para o investidor pessoa física;
  • Consultoria CVM para quem quer uma visão completa do patrimônio e adequada aos objetivos individuais;
  • Gestora de Recursos, com fundos, previdência e carteiras administradas.

Como é o modelo de negócios da Nord

Atualmente, a Nord faz a gestão de 1,8 bilhão de reais no segmento wealth management, além de 200 milhões de reais na gestão de ativos.

É, no mercado, uma das principais casas independentes de instituições financeiras.

"Essa é uma das características mais importantes da Nord", diz Breia.

O posicionamento ativo nas redes sociais também faz parte do DNA da Nord.

Renato Breia, Marilia Fontes e Bruce Barbosa, fundadores da Nord, têm perfis que somados possuem mais de 340.000 seguidores só no Instagram.

"A Nord cresce principalmente por conta da estratégia de aquisição e conversão de leads", diz Breia.

No braço wealth, uma das principais estratégias para expansão, é o fato de o modelo de remuneração ser fee-based, numa fórmula replicada do comportamento do mercado em países desenvolvidos no qual o profissional de investimentos é remunerado exclusivamente com um percentual da valorização dos produtos financeiros na carteira dos clientes.

"O formato passa mais confiança aos investidores, enquanto remove completamente o conflito de interesse dos consultores", diz.

Quais são as metas

Para os próximos meses, a meta é ambiciosa. “Já triplicamos a equipe interna de gestão de patrimônio. Hoje são 15 pessoas. Esperamos expandir a área de bankers de 5 para 15 participantes", diz Breia.

"A meta para o biênio (até o fim de 2024) é chegar a 6 bilhões de reais de AUC (patrimônio sob gestão) na área de wealth e 1 bilhão de reais na de gestão de ativos”.

Uma das estratégias para atingir seus objetivos é estimular o networking e divulgar as vantagens desse novo modelo, tanto para os clientes quanto para os consultores.

Os investidores podem, ainda, esperar maior poder de abrangência da casa, que hoje é focada em atender varejo de alta renda e admite apenas patrimônios a partir de 1 milhão de reais.

Com a expansão, a Nord prevê estrutura para, gradualmente, administrar carteiras que iniciam em 500.000 reais e, mais futuramente, em 300.000 reais.

Os principais sócios são Renato Breia, Marilia Fontes, Bruce Barbosa, todos egressos da casa de análises financeiras Empiricus.

Ao todo são 23 sócios. Na area de wealth, o head é Breia, e como sócios na operação, estão também Ronaldo Lee, Max Loccoman e Caio Zylbersztajn.

Entre as conquistas de 2022 está o prêmio da categoria Consultor de Investimentos recebido este ano no Summit 2022, evento periódico do BTG Pactual (do mesmo grupo de controle da EXAME) dedicado à rede de escritórios parceiros.

Além disso, a recompensa somou-se a uma viagem à Itália, premiação também promovida pelo BTG em setembro de 2022.

A imersão italiana foi consequência da colocação no ranking Best Performer, como são chamados os parceiros do banco que tiveram melhor desempenho anual.