Nissan interrompe produção no Brasil por causa da pandemia, diz site

De acordo com informações do G1, a fabricação de veículos da marca ficará suspensa entre os dias 26 de março e 9 de abril

A montadora Nissan deve suspender as atividades no Brasil por causa do agravamento da pandemia. Segundo o G1, a paralisação de atividades deve acontecer entre os dias 26 de março e 9 de abril.

A medida afeta principalmente a planta em Resende, no Rio de Janeiro. A empresa vai conceder férias coletivas aos colaboradores da unidade por duas semanas com a produção sendo retomada no dia 12 de abril.

"Buscando garantir a segurança de seus funcionários como parte do esforço de reduzir o impacto da pandemia, adaptar a empresa ao cenário atual dos desafios enfrentados pelo setor automotivo e garantir a continuidade do negócio, a Nissan decidiu adotar férias coletivas em seu complexo industrial de Resende de 26 de março a 9 de abril. Com isso, a produção será retomada no dia 12 de abril", diz o comunicado da empresa.

Em razão da pandemia, a maioria das fabricantes de veículos também enfrenta falta de peças para a produção, principalmente chips.

Volkswagen, além das montadoras de caminhões Mercedes-Benz, Volkswagen Caminhões e Ônibus, Scania e Volvo, já tinham comunicado paralisações espontâneas devido à crise sanitária.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.