Inovação

Minerva cria área de inovação de olho em e-commerce e startups

Plataforma de e-commerce e marketplace, segundo a companhia, será destinada a identificar oportunidades no mercado de vendas digitais

Instalações da Minerva em Barretos, SP: iniciativa de venture capital, através de um veículo de investimento recém criado pela companhia (Ricardo Benichio/Exame)

Instalações da Minerva em Barretos, SP: iniciativa de venture capital, através de um veículo de investimento recém criado pela companhia (Ricardo Benichio/Exame)

R

Reuters

Publicado em 21 de julho de 2020 às 10h56.

Última atualização em 8 de setembro de 2020 às 01h15.

A Minerva comunicou nesta terça-feira que criou uma nova área de inovação que terá em seu escopo plataforma de comércio eletrônico e marketplace, bem como venture capital e análise avançada de dados.

A plataforma de e-commerce e marketplace, segundo a companhia, será destinada a identificar oportunidades no mercado de vendas digitais e desenvolvê-las ao redor do mundo, com foco inicial no Brasil, Argentina e Paraguai.

A iniciativa de venture capital, através de um veículo de investimento recém criado pela companhia, será focada em investimentos em start-ups e empresas de tecnologia, relacionadas à cadeia de valor da Minerva, disse a empresa.

A análise avançada de dados será responsável pelo desenvolvimento e gerenciamento de dados estatísticos e ferramentas de inteligência artificial para ajudar em decisões operacionais, financeiras e de gerenciamento de risco.

Acompanhe tudo sobre:AlimentaçãoFrigoríficosMinerva Foods

Mais de Inovação

Para se recuperar, empresas do maior hub de inovação do RS precisam de R$ 155 milhões em empréstimos

Investida do bilionário Bernard Arnault, startup faz sucesso usando IA para evitar furtos no Brasil

Riverwood Capital investe R$ 126 mi e quer levar startup mineira de gestão de contratos ao mundo

Oxxo por delivery: rede de "mercadinhos de bairro" anuncia parceria com o Rappi

Mais na Exame