Negócios

Lucro da Lenovo sobe 13% no 2º trimestre fiscal

A empresa atingiu US$ 162,1 milhões no segundo trimestre fiscal de 2012, que equivale ao período entre julho e setembro


	Com as vendas em alta, a Lenovo se destaca entre outras fabricantes de computadores pessoais, que, em geral, lutam contra o desaquecimento da economia
 (Getty Images)

Com as vendas em alta, a Lenovo se destaca entre outras fabricantes de computadores pessoais, que, em geral, lutam contra o desaquecimento da economia (Getty Images)

DR

Da Redação

Publicado em 8 de novembro de 2012 às 08h13.

Hong Kong - O lucro líquido da chinesa Lenovo atingiu US$ 162,1 milhões no segundo trimestre fiscal de 2012, que equivale ao período entre julho e setembro. O resultado representa aumento de 13% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando a empresa divulgou ganho líquido de US$ 143,9 milhões. A receita cresceu 11% na mesma comparação, para US$ 8,67 bilhões, de US$ 7,79 bilhões.

Com as vendas em alta, a Lenovo se destaca entre outras fabricantes de computadores pessoais, que, em geral, lutam contra o desaquecimento da economia. Para expandir a presença além da China, a Lenovo comprou a brasileira CCE em setembro, por cerca de US$ 150 milhões.

O surgimento de novas tecnologias também fez com que a Lenovo fortalecesse as ofertas de dispositivos móveis. A receita do setor de "internet móvel e digital home" - que consiste basicamente de smartphones e tablets - mais do que dobrou no segundo trimestre, atingindo US$ 718 milhões.

Segundo a empresa de pesquisas IDC, a Lenovo tem superado os rivais norte-americanos Hewlett-Packard Co. (HP) e Dell Inc. (Dell). No trimestre até setembro, os embarques de PCs da Lenovo cresceram 10% ante o ano anterior, enquanto as vendas da HP e da Dell diminuíram 16% e 14%, respectivamente.

Os dados da IDC também mostram que o total de vendas de PCs em todo o mundo caiu 8,6% no trimestre ante o ano anterior. As informações são da Dow Jones.

Acompanhe tudo sobre:BalançosEmpresas chinesasempresas-de-tecnologiaLenovoLucro

Mais de Negócios

Sol de Janeiro é brasileira? Marca de cosméticos virou sensação entre influencers

Vem aí a terceira edição do Ranking EXAME Negócios em Expansão

Nos 30 anos do Real, Mercado Pago lança cédula celebrativa

Nas franquias de educação, 83% dos alunos estão na sala de aula (e não em aulas online)

Mais na Exame