A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Lucro da HTC despenca e fica abaixo do esperado

No trimestre de abril a junho, o lucro líquido da empresa foi de US$ 247,7 milhões

Taipé - A fabricante taiuanesa de celulares inteligentes HTC Corp viu seu lucro despencar no segundo trimestre na comparação anual. O resultado foi atingido por vendas na Europa abaixo do esperado e por celulares destinados ao mercado norte-americano retidos para inspeção alfandegária, depois que a empresa perdeu uma disputa de patente com a Apple.

O lucro caiu no mesmo dia em que a arquirrival Samsung Electronics registrou um lucro recorde no segundo trimestre, ajudada por vendas do smartphone Galaxy, indicando o tamanho do desafio que a HTC enfrenta em sua busca para retomar mercado.

A HTC aposta que sua nova série de aparelhos One reconquiste participação de mercado perdida para Samsung e Apple. A HTC, cujas vendas cresceram em quatro vezes desde 2010, foi atingida na segunda metade do ano passado pela popularidade dos modelos iPhone e Galaxy.

No trimestre de abril a junho, o lucro líquido da HTC foi de 7,4 bilhão de dólares taiuaneses (247,7 milhões de dólares), informou a empresa. O resultado representou uma queda perante os 17,52 bilhões de dólares de Taiwan obtidos no mesmo período do ano passado, mas alta frente aos 4,47 bilhões do primeiro trimestre.

A expectativa do mercado para o lucro da empresa era de 8,25 bilhões de dólares taiuaneses, segundo pesquisa da Thomson Reuters I/B/E/S com 21 analistas.

A receita do segundo trimestre foi de 91 bilhões de dólares de Taiwan, alta se comparada aos 67,8 bilhões no trimestre anterior.

Separadamente, a HTC também informou nesta sexta-feira que as vendas consolidadas de junho somaram 30 bilhões de dólares taiuaneses, queda de 33,4 por cento sobre o mesmo mês do ano passado e estável sobre maio.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também