Lopes tem lucro 29% maior apoiada em vendas recordes

O lucro foi de R$ 21,3 milhões, favorecida por um salto nas vendas

São Paulo - A Lopes Brasil teve lucro líquido atribuível a acionistas da controladora 29 por cento maior no primeiro trimestre, atingindo 21,3 milhões de reais, favorecida por um salto nas vendas, que foram recordes no período.

De janeiro a março, o Ebitda (sigla em inglês para lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) somou 25,2 milhões de reais, crescimento de 39 por cento na comparação anual, com a margem subindo de 23,4 para 28,5 por cento.

O resultado foi impulsionado pelo avanço de 15 por cento nas vendas contratadas, que alcançaram 4 bilhões de reais nos três primeiros meses do ano, marcando "o melhor primeiro trimestre da história da Lopes", segundo a empresa.

As vendas foram lideradas pelo segmento de imóveis usados (secundário), que dispararam 42 por cento sobre um ano antes. As vendas de imóveis novos, enquanto isso, foram 9 por cento maiores.

Já os lançamentos da companhia totalizaram 3,6 bilhões de reais no período, 14 por cento superiores ano a ano.

Com isso, a Lopes apurou receita líquida de 88,4 milhões de reais no trimestre até março, alta de 14 por cento em 12 meses.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.