Itapemirim: R$ 7,8 milhões em reembolsos já foram processados

Os valores serão estornados aos clientes diretamente na fatura do cartão de crédito em até 30 dias; saiba como solicitar. Além disso, 56% dos passageiros impactados até 31 de dezembro já foram atendidos de algum modo
 (Grupo Itapemirim/Divulgação)
(Grupo Itapemirim/Divulgação)
M
Marina Filippe

Publicado em 21/12/2021 às 17:17.

Última atualização em 21/12/2021 às 18:21.

Passageiros da ITA, do grupo Itapemirim, foram pegos de surpresa no último final de semana com o cancelamento dos voos da companhia aérea após paralisação das operações. Agora, a companhia afirma que já foram processados 7,8 milhões de reais em pedidos de reembolso junto às operadoras de cartão de crédito.

Com o sobe e desce do mercado, seu dinheiro não pode ficar exposto. Aprenda como investir melhor.

Os valores serão estornados aos clientes diretamente na fatura do cartão de crédito em um prazo de até 30 dias. Além disso, 25.696 passageiros, o equivalente a 56% dos impactados até 31 de dezembro já foram atendidos de algum modo.

Os dados são divulgados após o Procon-SP afirmar que os consumidores deverão ser realocados em outros voos e, caso não seja possível, reembolsados imediatamente pela companhia aérea. Caso contrário, a companhia pode receber multa de até 11 milhões de reais.

Segundo a ITA, no site da companhia, basta clicar na aba Reembolso, localizada no menu superior, preencher o formulário e enviar o pedido, que será tratado individualmente, com prazo de pagamento em até 30 dias.

Além disso, o atendimento pode ser feito pelo telefone 0800 723 2121 e pelo chat presente no site da companhia. O horário de atendimento é das 6h às 21h. A ITA alerta que, devido à alta demanda, pode haver uma demora acima do esperado para o atendimento.

A companhia orienta os passageiros que não tentem realizar check-in online e não compareçam aos aeroportos antes de contatar a empresa aérea.