IBM tem receita menor do que a esperada no 3º trimestre, e ações recuam

A receita total da empresa de tecnologia caiu 3,9%, para US$ 18,03 bilhões, abaixo da expectativa média de R$ 18,2 bilhões

Bangalore — A IBM divulgou nesta quarta-feira (16) receita de terceiro trimestre abaixo do esperado pelo mercado, o que minimizou o efeito de lucro maior que as expectativas e fazia as ações da companhia de tecnologia recuarem 3% no pregão estendido.

A empresa, que concluiu a compra da produtora de software Red Hat no início do ano, enfrenta há anos queda de receitas diante do processo de mudança da indústria de tecnologia para serviços de computação em nuvem.

A receita total da IBM caiu 3,9%, para 18,03 bilhões de dólares, abaixo da expectativa média de 18,2 bilhões de dólares, segundos dados IBES da Refinitiv. Excluindo efeito de câmbio e desinvestimentos, a receita caiu 0,6%.

O faturamento com serviços de computação em nuvem subiu 11%, para 5 bilhões de dólares no trimestre. A unidade de computação em nuvem e software cognitivo, que inclui a Red Hat, teve alta de 6,4% na receita, para 5,28 bilhões de dólares.

Já a maior divisão da empresa, de serviços de tecnologia, teve queda de 5,6% na receita, para 6,7 bilhões de dólares.

O lucro líquido caiu para 1,67 bilhão de dólares, ou 1,87 dólar por ação, ante 2,69 bilhões, ou 2,94 dólares por papel, um ano antes. Em termos ajustados, a IBM teve lucro de 2,68 dólares por ação, 0,01 dólar acima da expectativa dos analistas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.