• AALR3 R$ 20,29 0.74
  • AAPL34 R$ 67,40 -2.05
  • ABCB4 R$ 16,73 -0.18
  • ABEV3 R$ 14,19 0.78
  • AERI3 R$ 3,63 -6.20
  • AESB3 R$ 10,65 -2.92
  • AGRO3 R$ 31,09 0.61
  • ALPA4 R$ 20,82 0.29
  • ALSO3 R$ 19,15 -1.64
  • ALUP11 R$ 27,31 0.52
  • AMAR3 R$ 2,40 -2.83
  • AMBP3 R$ 30,55 -1.99
  • AMER3 R$ 22,85 -5.07
  • AMZO34 R$ 63,86 -2.50
  • ANIM3 R$ 5,36 -3.42
  • ARZZ3 R$ 79,90 0.49
  • ASAI3 R$ 15,91 0.25
  • AZUL4 R$ 20,78 -5.37
  • B3SA3 R$ 12,02 -0.66
  • BBAS3 R$ 37,75 -0.57
  • AALR3 R$ 20,29 0.74
  • AAPL34 R$ 67,40 -2.05
  • ABCB4 R$ 16,73 -0.18
  • ABEV3 R$ 14,19 0.78
  • AERI3 R$ 3,63 -6.20
  • AESB3 R$ 10,65 -2.92
  • AGRO3 R$ 31,09 0.61
  • ALPA4 R$ 20,82 0.29
  • ALSO3 R$ 19,15 -1.64
  • ALUP11 R$ 27,31 0.52
  • AMAR3 R$ 2,40 -2.83
  • AMBP3 R$ 30,55 -1.99
  • AMER3 R$ 22,85 -5.07
  • AMZO34 R$ 63,86 -2.50
  • ANIM3 R$ 5,36 -3.42
  • ARZZ3 R$ 79,90 0.49
  • ASAI3 R$ 15,91 0.25
  • AZUL4 R$ 20,78 -5.37
  • B3SA3 R$ 12,02 -0.66
  • BBAS3 R$ 37,75 -0.57
Abra sua conta no BTG

Gazprom cimenta laços com parceiros europeus em gás

Companhia assegurou acesso ao armazenamento de gás na Europa Ocidental e também um acordo com parceiros do setor

	Gazprom: a Gazprom assegurou acesso ao armazenamento de gás na Europa Ocidental
 (Divulgação)
Gazprom: a Gazprom assegurou acesso ao armazenamento de gás na Europa Ocidental (Divulgação)
Por Vera Eckert e Oleg VukmanovicPublicado em 04/09/2015 09:57 | Última atualização em 04/09/2015 09:57Tempo de Leitura: 1 min de leitura

Frankfurt/Milão - A russa Gazprom aumentou sua força industrial no coração da Europa nesta sexta-feira, fortalecendo-se com acordos sobre trocas de ativos e mais capacidade de gasodutos com companhias de energia muito interessadas em voltar à situação de normalidade nos negócios.

A Gazprom assegurou acesso ao armazenamento de gás na Europa Ocidental e também um acordo com parceiros do setor para dobrar a capacidade do gasoduto Nord Stream para fornecer gás à Europa contornando a Ucrânia, com quem a Rússia está em um conflito que vem se arrastando.

A surpreendente retomada do acordo abandonado entre a Gazprom e a BASF dará à gigante russa acesso a comercialização e armazenagem de gás na Alemanha em troca de mais participação nos campos de gás na Sibéria.

A unidade de produção de óleo e gás da BASF, a Wintershall, disse em comunicado que os parceiros julgaram o momento como adequado para concluir a transação. "Estamos convencidos que o gás natural da Rússia é necessário para assegurar a segurança energética na Europa", disse a companhia.