Negócios

Fusão entre Publicis e Omnicom não funcionará, diz WPP

Martin Sorrell afirmou que a fusão está em contradição com as metas de cada companhia e que fusões entre iguais nunca funcionam


	Maurice Levy, chefe executivo do Publicis e John Wren, chefe executivo do Omnicom
 (Bloomberg)

Maurice Levy, chefe executivo do Publicis e John Wren, chefe executivo do Omnicom (Bloomberg)

DR

Da Redação

Publicado em 2 de agosto de 2013 às 14h07.

Nova York - O executivo-chefe do grupo de propaganda WPP PLC, Martin Sorrell, disse que a fusão das empresas rivais Publicis Groupe e Omnicom Group não funcionará, porque a empresa resultante da fusão será menos ágil, disse o jornal francês Les Echos.

Sorrell afirmou que a fusão está em contradição com as metas de cada companhia e que fusões entre iguais nunca funcionam, de acordo com o jornal.

A WPP planeja centrar foco no crescimento orgânico e não planeja comprar rivais como a Havas SA, disse o executivo.

Ele afirmou também que não questionou a fusão ao órgão europeu antitruste. Fonte: Dow Jones Newswires.

Acompanhe tudo sobre:Agências de publicidadeEmpresasFusões e AquisiçõesPublicidadePublicisWPP

Mais de Negócios

Morre Paulo Fernando Fleury, um dos ícones da logística empresarial no país

Franquia de sucesso: como a Domino’s transformou um empréstimo de US$ 900 em um negócio bilionário

Sob nova gestão, iFood prepara investimentos em startups e mira verticais de mercado e de benefícios

Colaboração entre Dell e Microsoft facilita a vida de empresas na gestão do ambiente multicloud

Mais na Exame