Fundada em 1970, agência de publicidade DM9 fecha as portas

Os problemas começaram, segundo fontes do Estado de S. Paulo, com a saída de Sérgio Valente da DM9DDB, há cerca de cinco anos

São Paulo - Sofrendo há anos com perda de clientes e de relevância no mercado, a agência DM9, considerada uma escola na publicidade brasileira, está fechando as portas. Neste ano, a empresa levou mais um baque ao ficar sem parte da conta do banco Itaú. Além disso, havia a expectativa de que a DM9 sofresse ainda mais baixas no futuro próximo, à medida que dois de seus principais clientes - McDonald's e Walmart - preparavam concorrências para 2019. Nesta toada, o grupo Omnicom, dono do negócio desde 2014, decidiu por encerrar a operação.

Os problemas começaram, segundo fontes ouvidas pelo jornal O Estado de S. Paulo, com a saída de Sérgio Valente da DM9DDB, há cerca de cinco anos. Com o executivo indo para a Rede Globo, a companhia passou por diversas gestões, mas o negócio aos poucos foi sangrando.

No acumulado de janeiro e setembro de 2018, segundo levantamento do Ibope Inteligência, a DM9 era a 15ª maior empresa do setor, com compras de mídia estimadas em R$ 1,3 bilhão.

Atualmente, apurou o reportagem, a DM9 já era uma agência menor do que a Sunset, que também veio parte do pacote comprado pela Omnicom na aquisição do Grupo ABC.

Com o encerramento da DM9, a Sunset passará a se chamar SunsetDDB. A companhia vai herdar os clientes que ainda eram atendidos pela DM9, como Perdigão (marca da gigante BRF) e Johnson & Johnson, e também parte da equipe da DM9DDB.

Recuperação

Foram várias as tentativas de "salvar" a DM9 nos últimos anos. Uma delas foi protagonizada por ninguém menos que Nizan Guanaes, fundador do grupo ABC e um dos expoentes da "era de ouro" da agência, nos anos 1990.

O publicitário voltou para a companhia como um consultor, mas, na prática, comandava o negócio. Uma fonte do setor contou que, para atrair clientes, especialmente durante a crise econômica, a DM9 chegou a atender empresas com carência de até um ano para iniciar pagamentos.

A marca foi adquirida em 1989 por Nizan e Guga Valente e foi a primeira companhia brasileira a ganhar o título de agência do ano no Cannes Lions ­- Festival Internacional de Criatividade, evento que tem o jornal O Estado de S. Paulo como representante oficial no País.

Embora exista como agência nacional há 29 anos, a DM9 foi fundada, na realidade, nos Anos 1970, na Bahia.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.