Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:
seloNegócios

Para Laura Costantini, sócia e cofundadora da Astella, gestora de venture capital de empresas em estágio inicial, o mercado de tecnologia e inovação mudou muito nos últimos 15 anos.

Em entrevista especial ao Agora é que São Elas, evento promovido pela EXAME em parceria com o movimento Aladas (plataforma de cursos digitais que visa encorajar, capacitar e apoiar o desenvolvimento de mulheres empreendedoras), Laura detalhou sua trajetória de carreira e deu dicas sobre como apoiar a equidade de gênero nas empresas. Todos os painéis do evento já estão disponíveis no Youtube.

Mercado de inovação e diversidade

Uma das principais ações para fomentar a representatividade feminina está no incentivo para o preenchimento de vagas de tecnologia por mulheres. Na Astella, mais da metade dos cargos de liderança são ocupados por mulheres.

"O primeiro passo para a gente tentar resolver um problema é a conscientização de que ele existe. Então eu acho que a gente tá nesse momento: o problema existe e ele restringe a economia de diversas formas. Precisamos adotar medidas para combater isso".

Além disso, Laura destaca a criação de uma mentoria para 40 empreendedoras de tecnologia. "Nós criamos um programa de aceleração para mulheres empreendedoras com o intuito de trocar ideias sobre sua importância no mercado de inovação e trazer uma visão mais adequada aos problemas e situações que as mulheres enfrentam ao empreender".

Ao ser perguntada sobre a importância desses espaços, Laura afirmou que isso teria lhe ajudado no início de sua carreira, quando ela trabalhava no mercado financeiro. "É muito bacana compartilhar, perceber que você não está sozinha e pensar em estratégias para enfrentar as próprias questões".

Veja, abaixo, a entrevista completa:

Créditos

Últimas Notícias

ver mais
Dono do China In Box e Spoleto mira novo perfil de investidor com franquia de poke de R$ 200 mil
seloNegócios

Dono do China In Box e Spoleto mira novo perfil de investidor com franquia de poke de R$ 200 mil

Há 13 horas
Associar um produto à imagem de gente famosa pode ajudar sua marca?
seloNegócios

Associar um produto à imagem de gente famosa pode ajudar sua marca?

Há 14 horas
Em pleno 2023, vender ursinhos de pelúcia rende R$ 150 milhões a duas empresárias gaúchas. Veja como
seloNegócios

Em pleno 2023, vender ursinhos de pelúcia rende R$ 150 milhões a duas empresárias gaúchas. Veja como

Há 14 horas
De office-boy a CEO, ele dobrou as vendas da fábrica de itens para casa Condor para R$ 750 milhões
seloNegócios

De office-boy a CEO: como ele conduziu a Condor a R$ 750 milhões em receita

Há 14 horas
icon

Branded contents

ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais