Escassez de chips limita recuperação do setor automotivo, diz Volkswagen

A demanda está aumentando nos Estados Unidos, Brasil e China, disse Herbert Diess, presidente-executivo na feira de negócios Hannover Messe

A escassez de semicondutores é o único fator que pesa na recuperação global do setor automotivo diante da crise provocada pelo coronavírus, disse Herbert Diess, presidente-executivo da Volkswagen nesta quinta-feira.

A demanda está aumentando nos Estados Unidos, Brasil e China, disse Diess na feira de negócios Hannover Messe, acrescentando que a segunda maior montadora do mundo também está trabalhando com grande entrada de pedidos na Europa.

"A única coisa que atualmente está limitando e desacelerando essa recuperação é a situação crítica de fornecimento de vários tipos de semicondutores em todo o mundo", disse Diess.

Os comentários vieram um dia após a Ford estabelecer outra série de paralisações de fábricas devido à escassez, com cinco instalações nos Estados Unidos e uma na Turquia sendo afetadas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.