EBay rejeita indicações de Icahn para Conselho

Icahn, que possui pouco mais de 2 por cento da empresa de comércio eletrônico, tem pressionado o eBay por semanas a cindir sua empresa de pagamentos PayPal

	eBay: fundador e presidente do Conselho do eBay, Pierre Omidyar, pediu a acionistas em um comunicado que apoiem as indicações da companhia
 (Dan Kitwood/Getty Images)
eBay: fundador e presidente do Conselho do eBay, Pierre Omidyar, pediu a acionistas em um comunicado que apoiem as indicações da companhia (Dan Kitwood/Getty Images)
P
Phil WahbaPublicado em 10/03/2014 às 15:03.

São Paulo - O EBay disse na segunda-feira que rejeitou dois candidatos do investidor Carl Icahn para seu Conselho, dizendo que ambos não são qualificados, e pediu que os acionistas votem contra eles em sua próxima reunião anual.

Icahn, que possui pouco mais de 2 por cento da empresa de comércio eletrônico, tem pressionado o eBay por semanas a cindir sua empresa de pagamentos PayPal. Ele também acusou repetidamente o eBay de má governança corporativa.

O bilionário nomeou os funcionários da Icahn Enterprises Daniel Ninivaggi e Jonathan Christodoro, ambos os quais são nomeados regularmente por Icahn para Conselhos.

O presidente do conselho do comitê de governança corporativa e nomeação do eBay, Richard Schlosberg III, disse que o Conselho considerou ambos mas os rejeitou porque "nenhum candidato tem experiência ou conhecimentos especializados".

O EBay disse que uma vez que cada candidato indicado por Icahn atualmente já se encontra em quatro Conselhos de empresas, não estão em conformidade com as diretrizes do eBay.

O fundador e presidente do Conselho do eBay, Pierre Omidyar, pediu a acionistas em um comunicado que apoiem as indicações da companhia, que incluem o presidente-executivo John Donahoe.