Conselho da Petrobras nomeia Silva e Luna e aprova diretoria; veja nomes

General foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro e teve a chancela do novo colegiado, eleito pelos acionistas, nesta sexta-feira

O Conselho de Administração da Petrobras, renovado parcialmente no começo desta semana, aprovou o nome do general Silva e Luna para a presidência da companhia nesta sexta-feira, 16.

Silva e Luna, que também faz parte do Conselho, foi indicado pelo acionista controlador, a própria União, após a demissão de Roberto Castello Branco, devido a um desgaste entre ele e o presidente Jair Bolsonaro sobre a política de preços da Petrobras.

Na reunião desta tarde, também foi aprovada nova diretoria da companhia, que tem quatro novos nomes, que assumem após o pedido de demissão de diretores que decidiram acompanhar Roberto Castello Branco na saída da linha de frente do comando da Petrobras.

Os novos diretos são todos funcionários de carreira da empresa e estavam logo abaixo dos nomes antigos na linha de sucessão. As informações de bastidores afirmam que a intenção de Silva e Luna foi fazer uma transição tranquila.

Joaquim Silva e Luna foi Diretor-Geral brasileiro da Itaipu Binacional de fevereiro de 2019 até abril de 2021. Ele é General de Exército da reserva e serviu no Ministério da Defesa de março de 2014 a janeiro de 2019, como Secretário-Geral do Ministério e como Ministro da Defesa.

Além da Academia Militar das Agulhas Negras, onde se graduou na Arma de Engenharia, Joaquim Silva e Luna, fez doutorado em Ciências Militares, mestrado em Operações Militares, pós-graduação em Projetos e Análise de Sistemas pela Universidade de Brasília e em Política, Estratégia e Alta Administração do Exército.

Veja quais são os novos diretores

  • Fernando Borges

Há 38 anos na companhia, assume a diretoria executiva de Exploração e Produção (no lugar de Carlos Alberto Pereira de Oliveira);

  • João Henrique Rittershaussen,

Há 34 anos de casa, é novo diretor de Desenvolvimento de Produção e Tecnologia (em substituição a Rudimar Lorenzatto);

  • Claudio Mastella

Há 34 anos na estatal, vai liderar a diretoria de Comercialização e Logística (no lugar de André Chiarini);

  • Rodrigo Araújo

Há 13 anos na petroleira, vai comandar a diretoria de Finanças e Relações com Investidores (que era locupada por Andrea Almeida).

Conheça os diretores que seguem nos cargos

  • Nicolás Simone

Transformação Digital e Inovação

  • Rodrigo Costa Lima e Silva

Refino e gás natural

  • Roberto Ardenghy

Relacionamento Institucional e Sustentabilidade

  • Salvador Dahan:

Aprovado em março pelo Conselho para o cargo de diretor de Governança e Conformidade.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.