Negócios
Acompanhe:

Cledorvino Belini renuncia a vaga no conselho de administração da Light

Saída ocorre depois de uma oferta pública de ações da Light em julho, na qual a Cemig reduziu a participação na empresa de 50% para 22,6%

Belini: cargo do presidente executivo da estatal mineira Cemig na Light ficará aberto (Germano Lüders/Site Exame)

Belini: cargo do presidente executivo da estatal mineira Cemig na Light ficará aberto (Germano Lüders/Site Exame)

R
Reuters

Publicado em 25 de outubro de 2019, 19h36.

Última atualização em 25 de outubro de 2019, 19h36.

São Paulo — A elétrica Light informou nesta sexta-feira que Cledorvino Belini, atual presidente executivo da estatal mineira Cemig, renunciou na véspera ao cargo de membro do Conselho de Administração da companhia.

A saída de Belini ocorre depois de uma oferta pública de ações da Light em julho, na qual a Cemig reduziu a participação na empresa de 50% para 22,6%, deixando de ser controladora da companhia com sede no Rio de Janeiro.

De acordo com comunicado da Light, o cargo permanecerá vago até a próxima assembleia geral de acionistas da empresa.