Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:
seloNegócios

China prende diretores de empresa que vendia carne estragada

Seis diretores de uma filial na China do grupo americano OSI foram detidos

Modo escuro


	Produção na fábrica Shanghai Husi Food, que fornecia alimentos a redes de fast food
 (AFP)

Produção na fábrica Shanghai Husi Food, que fornecia alimentos a redes de fast food (AFP)

D
Da Redação

Publicado em 5 de agosto de 2014 às, 09h05.

Xangai - Seis diretores de uma filial na China do grupo americano OSI, que comercializou carne em péssimo estado a várias redes de fast food do país, foram detidos, anunciou a empresa.

A polícia chinesa havia informado há alguns dias a detenção de outros cinco diretores da Husi Food, a filial em Xangai do grupo OSI, uma empresa produtora de alimentos.

A empresa americana foi acusada de ter vendido carne em péssimo estado a grandes redes do setor de fast food na China, incluindo McDonald's, KFC e Pizza Hut.

O grupo OSI informou que seis diretores da filial em Xangai foram detidos, enquanto a agência oficial Xinhua citou de "funcionários de alto nível".

"Durante a investigação, nossa cooperação com as autoridades tem sido total e vai continuar sendo", afirma o grupo OSI em um comunicado.

Depois da descoberta do caso, a empresa mudou a diretoria da filial chinesa e iniciou uma investigação interna.

As agências do comércio e de segurança alimentar da China estão investigando a empresa, segundo a Xinhua.

De acordo com as autoridades, os funcionários da fábrica colocavam etiquetas com datas de produção falsas nas carnes estragadas e comercializavam o produto.

Após o escândalo, o McDonald's encerrou os contratos com as filiais chinesas do grupo OSI, mas desde então a rede sofre com a falta de carne e parou de vender hambúrgueres e nuggets.

O caso também teve repercussões nos restaurantes McDonald's no Japão e em Hong Kong.

Últimas Notícias

ver mais
Carrefour participa da feira da ABF Rio em busca de franquias para alocar nos supermercados
seloNegócios

Carrefour participa da feira da ABF Rio em busca de franquias para alocar nos supermercados

Há 13 horas
Elas largaram a área da saúde para estudar gelatos. Hoje, lideram negócio que fatura R$ 10 milhões
seloNegócios

Elas largaram a área da saúde para estudar gelatos. Hoje, lideram negócio que fatura R$ 10 milhões

Há 21 horas
Conexões e redes de negócios aceleram o crescimento e a inovação das médias empresas brasileiras
seloNegócios

Conexões e redes de negócios aceleram o crescimento das médias empresas

Há 23 horas
Cheques de até US$ 50 milhões: veja quais startups receberam aportes nesta semana
seloNegócios

Cheques de até US$ 50 milhões: veja quais startups receberam aportes nesta semana

Há um dia
icon

Branded contents

ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais