Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Ball investe 350 milhões de reais em reabertura de fábrica de latas

Com o aquecimento do mercado, Ball Corporation reabre fábrica que estava fechada há quatro anos no Pará. Unidade terá capacidade produtiva de 1.2 bilhões de latas por ano

Acompanhando o crescimento global do mercado de latas, a fabrica Ball Corporation anuncia o investimento de cerca de 350 milhões de reais para a reabertura da planta de Benevides, a 35 km de Belém, no Pará, após quatro anos do fechamento devido a queda do setor na época.

A unidade terá capacidade produtiva de 1.2 bilhões de latas por ano e aumentará a oferta de empregos na região, oferecendo pouco mais de 100 vagas.

Com previsão de inauguração para o final do primeiro semestre de 2022, a reabertura da fábrica faz parte dos investimentos da Ball na América do Sul e tem como objetivo reforçar a presença da empresa na região e atender às necessidades de diferentes clientes de forma mais eficiente.

No ano passado a Ball anunciou o investimento de 90 milhões de dólares para construir uma fábrica em Frutal (MG) e agora reabre a fábrica no Pará, sendoelas, respectivamente, 11ª e 12ª fábricas da empresa no país.

“A fábrica de Benevides oferecerá vários tamanhos de latas de alumínio em diferentes linhas de produção e, ao apoiarmos a crescente demanda dos clientes da região por latas de bebidas sustentáveis de alumínio, vamos colaborar para alavancar os mercados do Norte e Nordeste do Brasil,” afirma Carlos Pires, presidente da Ball América do Sul.

Mercado da lata em expansão

A lata de alumínio é a embalagem mais sustentável da cadeia de bebidas do Brasil. Isto porque é 100% e infinitamente reciclável e, quando descartada corretamente, retorna às prateleiras em apenas 60 dias como uma nova lata. No Brasil, seu índice de reciclagem chega a 97,4%.

Em consequência da grande procura pelo consumidor, o mercado nacional de latas de alumínio tem respondido com dados positivos: segundo informações da Abralatas, foi registrado, o primeiro semestre deste ano, um aumento de 22,6% nas vendas de latas às empresas envasadoras de bebidas em comparação com o mesmo período de 2020.

O Brasil é o terceiro maior produtor de latas de alumínio do mundo, com um volume anual de 32 bilhões de unidades (2020).

  • Quer saber tudo sobre as prinicpais negociações no Brasil e no Mundo? Assine a EXAME e fique por dentro.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também