Avenir: o escritório que alocou R$ 1,5 bilhão em investimentos em apenas um ano

O escritório plugado ao BTG Pactual conseguiu reter 60% da carteira de clientes e trouxe um diferencial competitivo para o mercado
Equipe da Avenir: objetivo de fechar o ano de 2022 com 2 bilhões de reais de patrimônio de clientes sob custódia (Divulgação/Divulgação)
Equipe da Avenir: objetivo de fechar o ano de 2022 com 2 bilhões de reais de patrimônio de clientes sob custódia (Divulgação/Divulgação)
D
Da RedaçãoPublicado em 16/09/2022 às 14:51.

O que faria você sair da CLT para ir empreender? Ou também, o que faria você sair de um banco internacional que trabalha há 20 anos para abrir um escritório de investimentos no Brasil?

Essa resposta chegou para duas pessoas: Hélcio Aguiar e Teresa Lustosa que, em novembro de 2021, fundaram a Avenir, escritório de assessores de investimentos plugado ao BTG Pactual (do mesmo grupo de controle da EXAME).

Tudo começou quando o fundador questionou o seu propósito de vida. Insatisfeito com a rotina, considerou empreender, mas, sentia medo das coisas não darem certo. Antes, Hélcio Aguiar trabalhava há mais de 20 anos no setor de private banking do banco Credit Lyonnais.

“A pseudo-segurança de ser CLT é uma gaiola de ouro que acaba, muitas vezes, nos bloqueando em fazer alguns movimentos e arriscar. Porém, o dia a dia de ter que cumprir horários e reuniões sem propósito vão minando sua vontade e garra profissional”, comenta Aguiar.

Decidido a ter uma vida mais leve, Hélcio deixou o receio de lado e deu o primeiro passo para mudar sua realidade ao lado de Teresa Lustosa e levando com eles o desejo de levar liberdade financeira através de três pilares: educação, planejamento patrimonial e investimentos eficientes.

Teresa Lustosa é CFP®, profissional com mais de 20 anos de experiência internacional no mercado financeiro, sendo 11 anos em Wealth Management. Com uma cultura de private banking voltada à realização dos objetivos de vida de seus clientes, gerou uma mudança de mentalidade na gestão de grandes fortunas e virou um caso de sucesso — Lustosa faz consultoria financeira para famílias da Cambridge, empresa de sucessão patrimonial para grandes famílias empresárias.

O começo de um sonho

Buscando unir a estrutura de um escritório autônomo de investimentos com a cultura do private banking, a Avenir tornou-se parceira do BTG Pactual, o maior banco de investimentos da América Latina, para trazer mais segurança aos clientes que estavam acostumados com a robustez das instituições internacionais.

“Acreditamos que existe um diferencial muito grande para os nossos clientes se sentarem em uma mesa para decidir algum deal tendo ao seu lado o maior banco de investimentos da América Latina. [...] Com esse time do BTG Pactual é impossível perder qualquer bola dividida”, comenta Aguiar.

E o resultado foi extremamente positivo. Em apenas um ano de operação, a Avenir tornou-se um caso de sucesso e atingiu a marca de 1,5 bilhão de reais em investimentos sob sua gestão. Mesmo com números tão expressivos, o escritório sabe que pode chegar mais longe – seu objetivo é o de fechar o ano de 2022 com 2 bilhões de reais.

Os pilares do sucesso financeiro

Todos sabemos que o amanhã é incerto, mas será que é possível reduzir a nossa vulnerabilidade em relação ao que está por vir? Hélcio e Teresa garantem que sim! Como? Por um lado, buscar ativamente informações que as ajudem a tomar decisões adequadas sobre o seu dinheiro. Por outro, cultivar a disciplina necessária para tirar os sonhos do papel.

No entanto, nem sempre é fácil mudar comportamentos enraizados e desenvolver as novas habilidades para a gestão apropriada do seu patrimônio. “Me dei conta que muitas vezes, mesmo as famílias abastadas, não sabiam como lidar com seus recursos — tanto no lado dos investimentos, como no lado das finanças pessoais —, gastando mais do que o patrimônio seria capaz de render e ser sustentável dentro do perfil de investimento daquele cliente”, avalia Teresa Lustosa.

Não à toa, a Avenir realiza encontros regulares com palestras, workshops e mentorias para melhorar a forma como seus clientes lidam com o dinheiro. Dessa forma, o escritório acredita que poderá ajudar as pessoas a atingirem seus objetivos com segurança, por meio de planejamento realista e investimentos eficientes.

O que está por vir

Com uma taxa de retenção de 60% dos clientes, a Avenir tem planos ambiciosos para o futuro e deseja chegar a R$ 10 bilhões sob sua gestão nos próximos cinco anos. Mas nem tudo se resume aos números: por meio de iniciativas de educação financeira para grupos vulneráveis economicamente, o escritório deseja conscientizar o maior número de pessoas e capacitá-las para cuidar melhor de seu dinheiro.

E o momento é bastante oportuno. De acordo com o Índice de Saúde Financeira do Brasileiro (I-SFB), 6 em cada 10 pessoas consideram que a maneira como cuidam de suas finanças não permite aproveitar a vida. A falta de educação financeira combinada com a insegurança quanto ao futuro gera uma fonte constante de estresse, que acaba afastando as pessoas do assunto.

“No Brasil, estamos muito atrasados nesse sentido. Herança de inflação galopante, mais cultura de consumo e de imediatismo. Quero ajudar as pessoas a despertar para a importância de se planejar financeiramente o quanto antes ou a partir de agora, pois nunca é tarde”, conclui Lustosa.

Veja Também